F1: Vettel brinca e diz que sentirá “falta do silêncio” de Raikkonen

Fernando Alonso também elogiou finlandês, dizendo que ele tem personalidade própria

F1: Vettel brinca e diz que sentirá “falta do silêncio” de Raikkonen
Carregar reprodutor de áudio

Sebastian Vettel e Fernando Alonso acreditam que o "excepcional" Kimi Raikkonen fará falta não apenas como piloto de Fórmula 1, mas também como pessoa.

O finlandês anunciou em setembro que a temporada de 2021 será sua última na categoria, encerrando uma carreira de mais de 20 anos.

Leia também:

O piloto de 42 anos fez sua estreia na F1 com a Sauber em 2001 e conquistou o título de 2007 com a Ferrari, marcando um total de 21 vitórias com a equipe italiana e com a McLaren.

Vettel foi companheiro de equipe de Raikkonen na Scuderia de 2015 a 2018, e o tetracampeão é um dos poucos pilotos que o finlandês considera seu amigo.

O alemão admitiu que sente "grande respeito" por Raikkonen pela maneira como ele se manteve inalterado ao longo dos anos.

"Acho que é uma coisa natural", disse Vettel sobre a aposentadoria de Raikkonen. “O tempo vai para um lado, e em algum momento, a hora chega para ele, e em algum momento, a hora vai chegar para mim, e em algum momento o tempo vai até chegar para o Lando, mesmo que seja um longo caminho.”

"Provavelmente é a coisa mais natural. Sentiremos sua falta? Sim. Acho que ele é um personagem verdadeiro e gostei do tempo que passei com ele como companheiro de equipe.”

"Mas para ser justo, ele provavelmente é um dos poucos pilotos que conheci desde o primeiro dia até hoje que não mudou, no sentido de que ele tem sido muito aberto. Me acolheu quando entrei na F1, e naquela época ele era provavelmente o piloto mais estabelecido.

Kimi Raikkonen, Alfa Romeo Racing, Sebastian Vettel, Aston Martin

Kimi Raikkonen, Alfa Romeo Racing, Sebastian Vettel, Aston Martin

Photo by: Alessio Morgese

"Grande respeito. Eu não acho que você possa ter uma discussão ou um problema com Kimi. Se você tiver, então o problema não é ele, o problema é você.

"Ele é uma ótima pessoa e tenho certeza de que manteremos contato. Desejo a ele tudo de bom e sentirei falta do silêncio."

O bicampeão mundial Alonso, que fez parceria com Raikkonen na Ferrari em 2014, classificou o finlandês como uma "pessoa muito boa" que muda drasticamente quando está fora da pista.

"Acho que sentiremos falta de Kimi na Fórmula 1", disse Alonso. “Gosto muito dele, do jeito que ele ama o esporte à sua maneira, e está há tantos anos na Fórmula 1.”

"Eu acho que ele é muito honesto sempre, o que eu realmente gosto dessa parte do Kimi. Nos encontramos em aeroportos, restaurantes, lugares que você não está nesse ambiente de paddock e Kimi é uma pessoa diferente.”

"Como eu disse, ele tem se destacado na Fórmula 1 e fará falta porque ele tem sua própria personalidade e é diferente."

F1 2021: VERSTAPPEN BATE NO FIM E HAMILTON É POLE NO GP DO ARÁBIA SAUDITA; veja ANÁLISE do quali

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #149: Frank Williams é o maior personagem da F1 fora das pistas?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

compartilhar
comentários
F1: FIA confirma que Red bull não entrou com recurso contra isenção de Hamilton por desrespeito a dupla bandeira amarela no TL3
Artigo anterior

F1: FIA confirma que Red bull não entrou com recurso contra isenção de Hamilton por desrespeito a dupla bandeira amarela no TL3

Próximo artigo

F1: Mercedes não sabe motivos sobre bom ritmo da Red Bull em Jeddah

F1: Mercedes não sabe motivos sobre bom ritmo da Red Bull em Jeddah
Carregar comentários