Fórmula 1
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
26 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
40 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
68 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
75 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
89 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
103 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
110 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
124 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
131 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
145 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
159 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
187 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
194 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
208 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
215 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
229 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
243 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
250 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
264 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
278 dias

Lauda: Erros da Ferrari são "injustos e nada engraçados"

compartilhar
comentários
Lauda: Erros da Ferrari são "injustos e nada engraçados"
Por:
Co-autor: Adam Cooper
Traduzido por: Daniel Betting
8 de jul de 2018 17:11

Na opinião de Niki Lauda, colisões entre pilotos da Ferrari e Mercedes nas duas últimas corridas da Fórmula 1 são "injustas" e "nada engraçadas"

Kimi Raikkonen deu uma guinada em Lewis Hamilton no início do GP da Grã-Bretanha, depois que Sebastian Vettel ter feito o mesmo com Valtteri Bottas, na França, há duas semanas.

Hamilton caiu para último, mas conseguiu se recuperar e completou sua corrida em casa na segunda posição.

"Lewis fez um trabalho incrível hoje, sem dúvida. Tudo estava dando certo”, disse Niki Lauda, presidente não executivo da Mercedes ao Motorsport.com.

"O acidente foi basicamente injusto, porque é a segunda vez que uma Ferrari nos acerta na primeira curva, e não é engraçado. Mas é assim que é."

Vettel recebeu uma penalidade de cinco segundos por bater Bottas em Paul Ricard, enquanto Raikkonen recebeu uma punição de dez segundos por causa da batida em Hamilton deste domingo.

"Primeiro de tudo, foi errado quando eles deram cinco segundos a Vettel", disse Lauda à Sky Sports F1.

"Pelo menos agora eles deram a Kimi pelo menos dez segundos. Os comissários perceberam o que está acontecendo aqui.”

"Mas é assim que é. Não deveria ter sido, mas para mim, o trabalho de Lewis, caindo para último, chegando até o final, mostra o desempenho que ele teve aqui.”

"Então, eu digo que sem o acidente ele teria vencido a corrida."

Vettel venceu a corrida depois de um final emocionante e tirando a liderança de Bottas, que junto com Hamilton tinha ficado com pneus um pouco velhos atrás do safety car.

A Ferrari trocou Vettel e Raikkonen por macios novos, o que lhes custou a posição, mas dando a chance de atacar.

Hamilton foi capaz de resistir a Raikkonen e terminou em segundo, com Bottas caindo de primeiro para quarto nos momentos finais.

Depois de a Mercedes ter sido alvo de muitas críticas por sua estratégia na Áustria, Lauda disse que nessa ocasião "estávamos absolutamente certos, não fizemos nada errado".

"Valtteri teve alguns problemas com os pneus perto do final, sim, mas se ele tivesse entrado nos boxes, ele teria ainda mais problemas", disse Lauda.

"Eu acho que Lewis poderia ter vencido a corrida sem bater na primeira volta, mas mesmo assim, vir do último para o segundo é fantástico.”

Próximo artigo
Vettel: acusação de batida proposital é “boba”

Artigo anterior

Vettel: acusação de batida proposital é “boba”

Próximo artigo

De Ferran diz como vai ajudar a McLaren na F1

De Ferran diz como vai ajudar a McLaren na F1
Carregar comentários