Magnussen: Vandoorne teve sorte em promoção na McLaren

Ex-piloto da McLaren, dinamarquês considera que a promoção de Stoffel Vandoorne para equipe da Woking foi bem programada

Magnussen: Vandoorne teve sorte em promoção na McLaren
Kevin Magnussen, Jenson Button e Stoffel Vandoorne
Race 1 Winner Stoffel Vandoorne, ART Grand Prix
Fernando Alonso, McLaren with Stoffel Vandoorne, McLaren
Fernando Alonso, McLaren, Stoffel Vandoorne, McLaren
Jenson Button, McLaren MP4-31 follows team mate Fernando Alonso, McLaren MP4-31
(L to R): Fernando Alonso, McLaren with team mate Jenson Button, McLaren
Stoffel Vandoorne, McLaren F1
Carregar reprodutor de áudio

Stoffel Vandoorne, campeão da GP2 de 2015, fará sua primeira temporada completa na Fórmula 1 em 2017, em parceria com o bicampão mundial, Fernando Alonso.

Kevin Magnussen subiu para a F1 com a McLaren em 2014, mas foi rebaixado para o papel de piloto de reserva no final da campanha, e se desligou da organização um ano depois.

A McLaren passou por dois anos difíceis na F1 desde então, mas Magnussen - que vai competir pela Haas em 2017 - acredita que as coisas estão melhorando para a equipe com base em Woking.

Perguntado se tinha algum conselho para Vandoorne, Magnussen disse ao Motorsport.com: "eu não preciso dar qualquer conselho a ele. Ele sabe das coisas e tem algumas pessoas lá para apoiá-lo."

"E acho que ele teve muita sorte em entrar na Fórmula 1 em um momento muito bom. Acredito que muitas coisas boas estão acontecendo na McLaren. E eu acho que é um lugar muito bom para estar agora."

"Ele está diante de um dos melhores do esporte (Alonso), ele será capaz de mostrar corretamente o que pode fazer, por isso, então acho que ele tem tudo o que você pode pedir para ter um grande futuro na Fórmula 1."

Magnussen, que bateu Vandoorne no título da Fórmula Renault 3.5 em 2013, sugeriu que o belga precisaria prestar mais atenção em  Alonso em 2017.

"Stoffel veio da GP2, eu sei que ele fez a Super Fórmula no Japão, mas na GP2 ele estava acostumado a ganhar. Ele está acostumado a ser um pouco egoísta na forma de trabalhar. Todo mundo é quando está ganhando", disse Magnussen.

"Você se concentra em si mesmo, não precisa de mais ninguém, não precisa olhar tanto para o seu companheiro de equipe, porque você facilmente o bate."

"Ele terá alguém para prestar atenção. Terá que olhar para o que ele está fazendo e aprender."

"Alonso é a melhor pessoa que você pode ter para começar. Ele é muito experiente. E essa experiência é o que você precisa."

compartilhar
comentários
Com motor totalmente novo para 2017, Renault prega cautela
Artigo anterior

Com motor totalmente novo para 2017, Renault prega cautela

Próximo artigo

Fórmula 1 deve se inspirar na NFL, diz diretor da McLaren

Fórmula 1 deve se inspirar na NFL, diz diretor da McLaren
Carregar comentários