Racing Point confirma Hulkenberg como substituto de Pérez na Inglaterra

compartilhar
comentários
Racing Point confirma Hulkenberg como substituto de Pérez na Inglaterra

Alemão volta à F1 após perder vaga para temporada 2020, depois de passar pela Renault

Após a confirmação de que Sergio Pérez não poderá correr em Silverstone nos próximos dois fins de semana por testar positivo para Covid-19, a Racing Point confirmou que Nico Hulkenberg será seu substituto. O alemão de 32 anos estava fora do grid da Fórmula 1, na temporada 2020, após passagem pela Renault até o ano passado.

Hulk, passou pela Williams, Sauber e Renault, além de cinco anos na antiga Force India, hoje a Racing Point, em 2011 e 2012 e também de 2014 a 2016.

Leia também:

Campeão das 24 Horas de Le Mans de 2015 com a Porsche, Hulkenberg carrega o incômodo feito de não ter conseguido um pódio na F1 em 177 largadas, recorde da categoria. Mas, com o pacote atual da Racing Point, Hulk tem uma chance real de por um fim a esse tabu e, ainda por cima, dar à equipe seu primeiro pódio desde que assumiu esse nome.

O piloto alemão entrou no paddock minutos antes do início do primeiro treino livre para o GP da Grã-Bretanha, e por isso sua participação ainda não é garantida, mas o início de sexta-feira não foi dos mais tranquilos, nem para ele nem para a equipe.

A burocracia envolvida com a inscrição de última hora de Hulk quase fez com que ele não conseguisse terminar os trâmites a tempo. Pelo menos, a Racing Point tratou da situação com bom humor.

 

Hulkenberg voou para o Reino Unido na noite da quinta em preparação para seu retorno, tendo perdido poucas corridas desde o final da temporada passada, no GP de Abu Dhabi. Mas sua entrada no paddock também foi atrasada pelo fato de que ele não tinha um teste de Covid para apresentar.

Segundo o regimento atual da FIA, é necessário um teste negativo para poder entrar no paddock. O piloto passou por um primeiro exame na quinta a noite e repetiu novamente já em Silverstone nesta sexta.

Com os resultados levando horas para sair, a equipe precisou ficar esperando para saber se ele teria condições de correr já no primeiro treino livre. Um novo assento para o RP20 foi visto no paddock no início da sexta.

Para a sorte da equipe, a fábrica da Racing Point fica, literalmente, na frente da entrada do autódromo, o que facilita a realização desse tipo de serviço.

"Eu estava a caminho de Nurburgring para outro projeto envolvendo automobilismo quando recebi a ligação de Otmar [chefe da equipe]", disse Hulkenberg. "Isso foi há menos de 24 horas, então parece algo surreal para mim agora, mas eu gosto de um desafio".

"É obviamente uma situação difícil para a Racing Point e Pérez. Ele é um colega meu, um velho companheiro e desejo a ele uma pronta recuperação. Vou me esforçar para dar o melhor pela equipe".

DIRETO DO PADDOCK: Sergio Pérez fora do GP da Grã-Bretanha; Hamilton e Grosjean fazem as pazes na F1

PODCAST: Bastidores do futuro de GP do Brasil e os ambientes de F1 favoritos de Reginaldo Leme

 

Pérez coloca teste positivo de Covid como "um dos dias mais tristes da carreira" e explica viagem ao México

Artigo anterior

Pérez coloca teste positivo de Covid como "um dos dias mais tristes da carreira" e explica viagem ao México

Próximo artigo

F1: Verstappen surpreende e lidera TL1 em Silverstone marcado pelo retorno de Hulkenberg ao grid

F1: Verstappen surpreende e lidera TL1 em Silverstone marcado pelo retorno de Hulkenberg ao grid
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1