Russell achou que estava brigando por ponto no GP de Mônaco da F1

Novato britânico revelou que ele e a tradicional escuderia se empolgaram com o desempenho do FW42 em certo momento da prova

Russell achou que estava brigando por ponto no GP de Mônaco da F1
Carregar reprodutor de áudio

Após o GP de Mônaco, George Russell disse que a Williams pensou que ele poderia brigar por pontos em certo momento da etapa monegasca neste domingo. O motivo? O ritmo lento dos ponteiros, que fez com que os engenheiros da equipe britânica cogitassem a possibilidade de o campeão de 2018 da Fórmula 2 pudesse brigar mais à frente. O próprio novato se empolgou: "Poderia ter sido melhor", disse Russell (relembre sua carreira em galeria abaixo).

“Houve um ponto em que pensamos que estaríamos à frente de Carlos Sainz na sexta posição. Eu estava muito feliz com a corrida. Nós não estávamos lutando por nada na metade final, mas eu encarava como se estivéssemos. Tenho que me testar e ir até o limite para que quando chegar a hora e nós estivermos lutando, eu saiba o que fazer. Eu estava dando tudo e acho que os tempos foram bastante decentes”, relatou o britânico, que terminou a prova em 15º.

Leia também:


O 15º lugar de Russell ainda foi um resultado encorajador para uma equipe que esperava mais dificuldades no implacável circuito de rua de Monte Carlo. Após o treino livre de quinta-feira, por exemplo, Robert Kubica disse que o carro da Williams foi "mais lento do que queríamos, e talvez do que esperávamos".

Mas Russell disse, após o GP, que ficou encantado com o desempenho: "Eu não quero dizer que nós nos superamos, mas acho que maximizamos o trabalho. Foi ótimo realmente ir até os meus limites. Houve um ponto em que meu engenheiro veio no rádio e disse que eu estava no mesmo ritmo que o líder”, disse.

George Russell, kart
George Russell, kart
1/14

Foto de: CIK/KSP

George Russell, kart
George Russell, kart
2/14

Foto de: CIK/KSP

George Russell, BRDC F4
George Russell, BRDC F4
3/14

Foto de: JEP / Motorsport Images

George Russell, F3 europeia
George Russell, F3 europeia
4/14

Foto de: FIA F3 / Suer

George Russell, F3 europeia
George Russell, F3 europeia
5/14

Foto de: FIA F3 / Suer

George Russell e Alexander Albon, F3 europeia
George Russell e Alexander Albon, F3 europeia
6/14

Foto de: FIA F3 / Suer

George Russell, Formula Renault 3.5
George Russell, Formula Renault 3.5
7/14

Foto de: Jean-Michel Le Meur - DPPI

George Russell, DTM
George Russell, DTM
8/14

Foto de: BMW AG

George Russell, DTM
George Russell, DTM
9/14

Foto de: BMW AG

George Russell, McLaren F1, teste
George Russell, McLaren F1, teste
10/14

Foto de: LAT Images

George Russell, F3 europeia
George Russell, F3 europeia
11/14

Foto de: Mario Bartkowiak

George Russell
George Russell
12/14

Foto de: Alexander Trienitz

George Russell, GP3
George Russell, GP3
13/14

Foto de: GP3 Series Media Service

George Russell, Lando Norris, Sergio Sette Camara, F2
George Russell, Lando Norris, Sergio Sette Camara, F2
14/14

Foto de: FIA Formula 2

compartilhar
comentários
Ferrari não usará marca da Mission Winnow no Canadá e na França
Artigo anterior

Ferrari não usará marca da Mission Winnow no Canadá e na França

Próximo artigo

F1: Veja escolhas de pneus de pilotos e equipes para o GP do Canadá

F1: Veja escolhas de pneus de pilotos e equipes para o GP do Canadá