Fórmula 1
R
GP da Austrália
12 mar
-
15 mar
Próximo evento em
52 dias
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
59 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
73 dias
16 abr
-
19 abr
Próximo evento em
87 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
101 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
108 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
122 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
136 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
143 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
157 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
164 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
178 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
192 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
220 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
227 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
241 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
248 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
262 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
276 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
283 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
297 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
311 dias

Sainz: Renault trouxe melhoria no motor que precisávamos há 2 anos

compartilhar
comentários
Sainz: Renault trouxe melhoria no motor que precisávamos há 2 anos
Por:
22 de mar de 2019 15:50

Espanhol celebra melhora no propulsor francês e se vê 2 ou 3 km/h atrás de concorrentes com nova unidade

Carlos Sainz acredita que o motor 2019 da Renault tem finalmente o progresso que a marca precisava fazer "dois anos atrás".

Todos os anos de Sainz na F1 menos um foram com motor da Renault, e ele dirigiu para a equipe da fabricante francesa no final de 2017 e em todo o ano de 2018.

Leia também:

Na McLaren agora e depois de um desempenho bom no GP da Austrália com o motor Renault, Sainz disse que pode "sentir uma mudança" na competitividade da Renault.

"Sinto que é um passo na direção certa", disse Sainz. "Eu ainda acho que estamos um pouco atrás dos motores da Ferrari e da Mercedes, mas definitivamente parece que temos algo com o que lutar agora, finalmente.”

"Eu fiz quatro anos na Fórmula 1, todos esses quatro anos foram com 10 km/h de déficit em todas as retas.”

"Então, finalmente estar em Melbourne e estar a apenas 2 ou 3 km/h das melhores equipes é um cenário realmente encorajador. Eles parecem ter tido ideias claras de como desenvolver o motor durante o ano, o que também dá algumas vibrações positivas.”

"Eu elogiaria a Renault nesse sentido, porque finalmente parece que eles deram o passo que estávamos precisando há dois anos."

Sainz abandonou o GP da Austrália no início com uma falha no MGU-K. Ele indicou que era um problema que a Renault já havia sofrido nos testes de pré-temporada, mas a montadora não comentou sobre isso.

Sainz espera que seu abandono da corrida seja exceção e disse que o problema não eliminou seu otimismo.

"Eu confio na Renault, eles deram passos, então esperamos poder continuar pressionando", disse ele após o GP.

Próximo artigo
Schumacher não crê em ‘novo Bottas’: “sem dano de Hamilton, teria sido igual”

Artigo anterior

Schumacher não crê em ‘novo Bottas’: “sem dano de Hamilton, teria sido igual”

Próximo artigo

GALERIA: 50 anos da provável geração mais feia de carros da F1

GALERIA: 50 anos da provável geração mais feia de carros da F1
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Carlos Sainz Jr. Compre Agora
Equipes McLaren Compre Agora
Autor Scott Mitchell