Verstappen afirma que Red Bull testará peças novas em Silverstone

compartilhar
comentários
Verstappen afirma que Red Bull testará peças novas em Silverstone
Por:

Piloto holandês falou sobre problemas na temporada, mas ponderou que a equipe precisará de tempo para resolvê-los

A Red Bull planeja um teste extenso de novas peças no treino livre desta sexta-feira (31) em Silverstone, pista que receberá o GP da Inglaterra de Fórmula 1 neste final de semana, em busca de achar respostas para o que está dando errado com o RB16 neste ano.

Com algumas 'anomalias' que está tentando superar em 2020, o carro da equipe austríaca não entregou o desempenho que esperava para desafiar a Mercedes no campeonato.

Leia também:

Enquanto Max Verstappen e Alex Albon estão se preparando para que leve algum tempo até que a Red Bull possa superar os problemas, ambos esperam que as peças novas trazidas a Silverstone pelo menos ajudem a entregar algum progresso.

Questionado pelo Motorsport.com sobre o que o time aprendeu desde a última corrida, Verstappen disse: “Acho que ainda estamos aprendendo, estamos trazendo muitas peças novas para o carro".

"São peças diferentes, para ver o que funciona, o que não funciona e onde ainda podemos melhorar. Quero dizer, é claro que isso não ocorre de uma semana para a outra que será resolvido”.

“Precisamos de um pouco mais de tempo para isso. Mas sim, estamos trabalhando nisso e descobriremos apenas tentando também na pista, para saber se estamos indo na direção certa”.

Com a expectativa de que as altas velocidades de Silverstone se encaixem perfeitamente à Mercedes, Verstappen disse que ficaria feliz em ficar apenas a meio segundo dos dominantes campeões mundiais neste final de semana.

Perguntado sobre qual diferença ele esperava, ele disse: “Difícil. Bem, quero dizer, no ano passado viemos aqui e pensamos, 'tudo bem, vamos ser esmagados', e estávamos a dois décimos na classificação. Portanto, pode depender de muitas coisas”.

“Claro, eles são a equipe dominante e serão muito rápidos. Então, pode ser de dois décimos a um segundo. Você não sabe realmente. Eu espero que não seja um segundo. Eu espero que seja meio segundo, isso seria bom, eu acho”.

Com as regras de congelamento de chassi da F1 trazendo dificuldades para as equipes fazerem grandes mudanças em seus carros, Verstappen está ciente de que a Red Bull enfrenta uma tarefa mais difícil na recuperação. No entanto, ele negou estar muito frustrado com a situação em que a equipe está.

“Você gostaria de chegar ao final de semana e saber que lutará por vitórias todos os finais de semana”, disse. “Mas no momento, esse não é o caso. Nós apenas tentamos aprender, melhorar e eu espero que no final do ano, ou do próximo ano, possamos estar nessa posição novamente”.

“Claro, não será fácil. Eles trabalham muito duro na Mercedes também. Mas se pudermos dificultar para eles, isso seria muito bom. Mas não é que eu vou ficar aqui sentado frustrado e com raiva de tudo. Às vezes fico um pouco chateado ou o que quer seja, mas isso é no final do dia, porque eu quero vencer e quero melhorar, e acho que todos da equipe têm esse sentimento. Todos nós queremos ganhar”, afirmou Verstappen.

“E eu acho que é bom estarmos nos esforçando muito. Então, sim, isso não é nada negativo. Porque se eu apenas sentasse aqui e dissesse, 'eu não ligo, eu acabei de acordar, [vim] para a pista. Eu faço o meu trabalho e volto para casa'. Eu acho que essa seria a atitude errada”.

TELEMETRIA: Barrichello relembra 20 anos da primeira vitória na F1

PODCAST: Bastidores do futuro do GP do Brasil e ambientes de F1 favoritos de Reginaldo Leme

 

F1: FIA manterá rigidez com limites de pista em Silverstone

Artigo anterior

F1: FIA manterá rigidez com limites de pista em Silverstone

Próximo artigo

Confirmado: Sergio Pérez testa positivo para Covid-19 e está fora do GP da Grã-Bretanha

Confirmado: Sergio Pérez testa positivo para Covid-19 e está fora do GP da Grã-Bretanha
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Grã-Bretanha
Pilotos Max Verstappen
Equipes Red Bull Racing
Autor Jonathan Noble