Verstappen: "Essa é a única chance, não vou ficar aqui sentado como uma vovózinha"

Red Bull pediu para holandês cuidar dos pneus, mas ele ignorou, foi para cima das Mercedes e venceu a corrida

Verstappen: "Essa é a única chance, não vou ficar aqui sentado como uma vovózinha"

Max Verstappen extraiu tudo o que podia de sua Red Bull para superar Valtteri Bottas e Lewis Hamilton no GP dos 70 anos da Fórmula 1, em Silverstone. No começo da prova, ainda não estava claro qual seria a estratégia de cada equipe, e a Red Bull aconselhou o holandês a preservar os pneus, ordem que ele contrariou e ainda respondeu que não pilotaria como "uma vovózinha".

Leia também:

Na entrevista após a corrida, Verstappen explicou que se sentiu confortável no carro durante toda a prova, e que a única dúvida era sobre como Bottas e Hamilton lidariam com o desgaste de pneus.

"Eu não esperava. Mas você sabe, depois do primeiro stint, parecia que estávamos muito bons com pneus. É claro que isso era um ponto de interrogação, como a Mercedes vai ficar com o pneu duro? Tínhamos muito ritmo, não tive muitos problemas com os pneus".

Algumas voltas depois de fazer a primeira parada, Verstappen foi chamado aos boxes para uma segunda troca de pneus, ao mesmo tempo que Bottas fazia seu pit-stop. Isso permitiu ao holandês acelerar e manter o ritmo até o fim da prova.

"Sim, continuamos a pressionar e foi um resultado incrível, é claro, vencer aqui. E sim, tivemos um ótimo dia. Acho que deu tudo certo, tínhamos a estratégia certa. Tudo estava funcionando perfeitamente. Então, fiquei incrivelmente feliz por vencer".

Pouco antes da primeira rodada de pit-stops, o engenheiro do holandês pediu para que ele diminuísse o ritmo para preservar os pneus, ao que Verstappen respondeu: "Cara, essa é a única chance de ficar perto das Mercedes. Não vou ficar sentado aqui feito uma vovózinha".

Questionado sobre a frase depois da corrida, o piloto da Red Bull explicou.

"Sim, quero dizer, até agora não tivemos oportunidade de pressioná-los em toda a corrida, e pude ver que estávamos pressionando hoje. Então, tentei colocar pressão. Eles tiveram que ir para os boxes e daí em diante eu poderia fazer meu próprio ritmo e basicamente construir essa vantagem até o fim".

Na próxima semana, acontece o GP da Espanha, onde a Mercedes dominou as corridas dos últimos anos e onde Verstappen conquistou sua primeira vitória, em 2016. Questionado sobre suas chances de bater as flechas de prata no circuito Catalão, o holandês apontou que tudo vai depender dos pneus.

"Não sei, acho que precisamos usar pneus macios, que parecem se adequar ao nosso carro. Mas sim, vamos ver o que acontece em Barcelona. Acho que no momento estamos muito felizes por termos acabado de ganhar".

Na última volta, Verstappen ainda encontrou tempo para brincar no rádio com seus engenheiros: "Vocês se lembrou de beber água? precisa se lembrar de ficar hidratado".

Assista ao Pódio, nossa análise sobre a corrida em Silverstone:

compartilhar
comentários
TABELA: Verstappen desbanca Bottas e assume vice-liderança do campeonato

Artigo anterior

TABELA: Verstappen desbanca Bottas e assume vice-liderança do campeonato

Próximo artigo

Bottas diz que Mercedes “dormiu” com estratégia da Red Bull

Bottas diz que Mercedes “dormiu” com estratégia da Red Bull
Carregar comentários