Drugovich, Enzo e Collet: Brasil tem dia de glória na F2 e F3

Todos os três representantes do País largarão na frente em suas respectivas categorias

A view of the track

O Brasil não tem um representante integral na Fórmula 1 desde 2018, após a saída de Felipe Massa, mas viveu um dia histórico em Spa-Francorchamps, pista com grandes recordações ao Brasil, desde as cinco vitórias de Ayrton Senna, sendo quatro seguidas (1985 e 1988-1991), além do triunfo de Massa em 2008.

Leia também:

O dia amanheceu com a pole position inédita de Caio Collet na Fórmula 3, com o tempo de 2min11s289, quase três décimos mais rápidos que Zane Maloney, piloto de Barbados, debaixo de chuva.

“Me sinto muito, muito bem com a primeira pole e ainda mais em condições desafiadoras”, disse Collet. “Tenho que agradecer muito o time e meu engenheiro, que fizeram um grande gerenciamento. Sabíamos que seria tudo decidido na volta final, porque a pista vinha melhorando muito. E fico contente por termos encaixado tudo quando mais importava para larga na pole.”

 

As categorias de acesso deram um tempinho, com a realização do segundo treino livre da F1. Logo depois, aconteceu o quali da Fórmula 2, com o domínio de Felipe Drugovich por quase toda a sessão. No final, o piloto de Maringá cravou 1min58s232, ficando à frente de Enzo Fittipaldi em 0s383, configurando uma primeira fila brasileira inédita na categoria.

“Estou feliz demais com o dia", comentou Drugovich. "Acho que, depois do treino, em que eu não consegui dar uma única volta rápida, chegar dessa forma e ir tão bem assim na classificação é uma alegria muito grande”, comemorou. “Foi difícil, garoava, parava, em cada volta garoava em um ponto diferente da pista. Enfim, termos conseguido analisar tudo durante a pausa e voltar bem é muito gratificante”, finalizou.

“É um resultado fantástico em um circuito que eu gosto muito", disse Enzo. "Largar da primeira fila é importante, pois nos deixa em uma condição ótima não só para lutar por pontos nas duas corridas, mas também para lutar por uma vitória. Agradeço por todo o trabalho da Charouz ao longo do ano, e vamos seguir focados para garantir o máximo de pontos possíveis.”

 

As corridas com os brasileiros à frente começarão cedo no domingo. A F3 terá largada às 3h50, enquanto a F2 terá início 5h20. Ambas as provas serão transmitidas pelo Bandsports. No sábado, eles terão que encarar grid invertidos, do top 10 na F2 e do top 12 na F3.

VÍDEO: Entrevista exclusiva com Felipe Drugovich

Podcast #192 – Sequência de corridas decidirá campeonato da F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F2 - Brasil forma primeira fila na Bélgica: Drugovich conquista pole e Fittipaldi larga de P2
Próximo artigo F2: Lawson vence primeira rodada de Spa com folga; Drugovich é quarto e Fittipaldi, 13º

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil