Di Grassi discute com Frijns no Twitter por acidente em Sanya

compartilhar
comentários
Di Grassi discute com Frijns no Twitter por acidente em Sanya
25 de mar de 2019 11:27

Piloto brasileiro declara sua insatisfação com penalidades na China e é ironizado por piloto holandês da Virgin

Lucas di Grassi e Robin Frijns entraram em confronto no Twitter sobre o incidente que tirou os dois pilotos da disputa pela zona de pontos no ePrix de Sanya do último fim de semana.

A falta de ajudas aerodinâmicas no carro Gen2 e os circuitos de rua estreitos onde correm fazem com que os pilotos da F-E se toquem mais do que pilotos de outras categorias.

Leia também:

Sam Bird perdeu sua vitória no ePrix de Hong Kong depois de um toque com Andre Lotterer, enquanto o atual campeão Jean-Eric Vergne criticou o contato que vitimou o parceiro de equipe como "não automobilístico".

Na última corrida em Sanya, o piloto da Nissan e.dams, Sebastien Buemi, colidiu com Frijns em um incidente que tirou Di Grassi, e com isso tomou uma penalidade de dez segundos.

Isso levou Di Grassi a entrar no Twitter para compartilhar sua insatisfação. Mas Frijns o rebateu em seguida.

 

Di Grassi disse: “para ser claro sobre como as penalidades não são justas na Fórmula E no momento, Buemi estava em 8º quando bateu em Frinjs (sic), que me tirou da corrida. Buemi foi para o 6º lugar, recebeu uma penalidade de 10s e terminou em 8º, marcando 4 pontos. Frijs (sic) não tomou nada se movendo sob frenagem”.

Frijns rebateu o brasileiro: “como você pode dizer que eu me movi sob frenagem quando você não consegue nem soletrar o meu nome?”

 

Di Grassi seguiu: "Buemi disse que você fez isso muitas vezes. Deveria dar uma ligada para ele".

"Evidências de vídeo e dados também dizem isso. Mas, de qualquer maneira, muitos pilotos se movimentam durante a frenagem e não são punidos sob nenhuma circunstância. É claro que você fez e você não está sozinho".

António Felix da Costa também comentou o caso no Twitter.

 

O português disse: “Sims teve 30 segundos de penalidade no Chile, quando o contato em Mortara não foi claro e ainda termina em 4º. Lotterer tirou eu e JEV da corrida em Santiago e não recebeu nada. JEV passou da velocidade no FCY e recebeu uma multa, não penalidade de tempo. Nada contra esses pilotos. Apenas quero consistência”.

O chefe de esporte a motor da Audi, Dieter Gass, também expressou seu descontentamento com a situação em Sanya em sua página no Facebook.

Ele escreveu: "não estou satisfeito com o resultado do ePrix em Sanya! A penalidade de Buemi não foi penalidade!"

"Isso só o levou de volta à posição em que ele estava antes de eliminar os dois Audis na frente dele, então onde está a penalidade? Foi mais um convite do que uma penalidade!”

"Muito difícil de digerir! A Fórmula E deve ter cuidado para não se tornar um derby de demolição – alguns precedentes perigosos foram definidos agora! Eu preciso admitir, estou preocupado!"

Próximo artigo
Herta se junta a Verstappen e Márquez em grupo de vencedores jovens; relembre

Artigo anterior

Herta se junta a Verstappen e Márquez em grupo de vencedores jovens; relembre

Próximo artigo

Ex-F1, Felipe Nasr será substituído em próxima etapa da Fórmula E

Ex-F1, Felipe Nasr será substituído em próxima etapa da Fórmula E
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula E
Evento Sanya ePrix
Pilotos Lucas di Grassi , Robin Frijns