Fórmula E
22 nov
-
22 nov
Evento encerrado
R
ePrix de Santiago
17 jan
-
18 jan
Próximo evento em
37 dias
R
ePrix da Cidade do México
14 fev
-
15 fev
Próximo evento em
65 dias
R
ePrix de Marraquexe
27 fev
-
29 fev
Próximo evento em
78 dias
R
ePrix de Sanya
20 mar
-
21 mar
Próximo evento em
100 dias
R
ePrix de Roma
03 abr
-
04 abr
Próximo evento em
114 dias
R
ePrix de Paris
17 abr
-
18 abr
Próximo evento em
128 dias
R
ePrix de Seul
02 mai
-
03 mai
Próximo evento em
143 dias
R
ePrix de Jacarta
05 jun
-
06 jun
Próximo evento em
177 dias
R
ePrix de Berlim
20 jun
-
21 jun
Próximo evento em
192 dias
R
ePrix de Nova York
10 jul
-
11 jul
Próximo evento em
212 dias
R
ePrix de Londres
25 jul
-
25 jul
Próximo evento em
227 dias

Fórmula E diz que cabe ao WEC evitar conflitos de datas no calendário

compartilhar
comentários
Fórmula E diz que cabe ao WEC evitar conflitos de datas no calendário
Por:
21 de jun de 2019 18:57

Um dos comandantes da categoria de carros elétricos, Alberto Longo, insiste que campeonato “não vai mudar” eventos para não conflitar encontros com provas do mundial de endurance

O calendário da Fórmula E da próxima temporada foi revelado na reunião do Conselho Mundial de Automobilismo da FIA na semana passada, com três datas conflitando com as corridas do Mundial de Endurance (WEC) no Bahrein, em Sebring e Spa.

O presidente da FIA, Jean Todt, disse que o órgão está tentando encontrar uma solução para o problema, que terá impacto sobre vários pilotos que têm acordos para competir em ambas as categorias.

Leia também:

Quando perguntado se era para o WEC mudar seus eventos, em vez da F-E, Alberto Longo, vice-presidente da categoria disse ao Motorsport.com: "Nós não vamos mudar, isso é certo.”

“Se quisermos fazer uma corrida nas datas ainda sem locais definidos, é porque serão esses fins de semana. A prova de Seul está confirmada. O calendário já está anunciado, é isso. Nós não precisamos falar sobre isso.”

“Estamos muito apertados em escolher nossos calendários e esperamos que eles possam se mover. Se eles não puderem mudar, nós teremos o conflito de datas. Não é o fim do mundo.”

Longo indicou que a FIA havia contatado a F-E sobre a possível mudança de suas corridas nas datas de conflito, mas acrescentou: “No final, temos datas fixas e não podemos sair delas.”

"Então, se as corridas do WEC estiverem confirmadas, infelizmente elas estarão nos nossos fins de semana também."

Foi apurado que a perspectiva de que o WEC mude as datas seja remota.

Em seu briefing nas 24 Horas de Le Mans do último fim de semana, Todt também explicou que uma “comissão de calendário” foi criada para tentar evitar tais cenários entre os campeonatos regidos pela FIA, mas sugeriu que o grupo não havia se encontrado para falar sobre os dois calendários.

Sobre os comentários de Todt sobre esse grupo, Longo disse: "Não sei se isso é chamado de comissão de calendário, mas estamos em uma reunião com todos os promotores dos campeonatos da FIA.”

“O objetivo final da reunião era sentar e ver se conseguiríamos não ter uma corrida no mesmo fim de semana de campeonatos diferentes. Nos conhecemos nas duas últimas temporadas.”

Longo também afirmou que a organização do calendário F-E é um "desafio maior do que para qualquer outra pessoa, porque nós não corremos em pistas, corremos nas cidades".

"Correr no centro das cidades traz muito mais complexidade ao nosso calendário", acrescentou.

"Você precisa ter em mente que não queremos entrar em conflito com o WEC, não queremos entrar em conflito com a Fórmula 1, não queremos entrar em conflito com outros grandes eventos internacionais".

"Mas, além disso, precisamos ver qual é o calendário dos eventos para a cidade em que estamos competindo. E isso nos dá janelas muito pequenas, muito menores do que as pessoas pensam.”

"É um grande desafio e o que eu sempre pergunto nessas reuniões é 'você precisa ser mais flexível conosco', porque mudar um fim de semana para cima ou para baixo não deveria ser um grande problema.”

“Mas para nós é sim ou não [com as cidades]. Então é exatamente por isso que nós colocamos as provas nestes fins de semana, em que temos um acordo com as cidades e tentamos não colidir com quaisquer outros eventos de automobilismo.”

 

Próximo artigo
Brasil recebe aval do presidente da FIA para sediar Fórmula E

Artigo anterior

Brasil recebe aval do presidente da FIA para sediar Fórmula E

Próximo artigo

VÍDEOS: Brasileiros da F-E comentam desafios da corrida na Suiça

VÍDEOS: Brasileiros da F-E comentam desafios da corrida na Suiça
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria WEC , Fórmula E
Autor Alex Kalinauckas