Indy: Pato O'Ward "arranca" vitória no fim da corrida em Detroit

Mexicano tomou a liderança de Josef Newgarden na 68ª volta e subiu ao primeiro lugar também no mundial de pilotos

Indy: Pato O'Ward "arranca" vitória no fim da corrida em Detroit

O que parecia ser uma corrida perfeita para Josef Newgarden em Detroit terminou com um piloto roubando a cena nos últimos momentos. Pato O'Ward venceu a segunda prova do fim de semana da IndyCar, disputada neste domingo (13), ao ultrapassar o piloto da Penske na 68ª volta.

A vitória o colocou na liderança do campeonato e ainda o fez ser o primeiro da temporada a ganhar mais de uma vez. Álex Palou completou o pódio ao tomar o terceiro lugar de Colton Herta no final.

Leia também:

A corrida

Na largada, o pole Newgarden manteve a liderança, enquanto Herta tentava segurar o ataque de Rinus Veekay pela segunda colocação. O holandês chegou a ameaçar nas primeiras curvas, mas o americano conseguiu manter a posição. Scott Dixon, Romain Grosjean e Alexander Rossi protagonizavam uma boa disputa no meio do bolo.

Pouco depois, um toque entre os carros do pelotão de trás. Sebastien Bordauis passou por cima da zebra, perdeu velocidade e James Hinchcliffe, que vinha o seguindo, reduziu drasticamente. Sobrou para Max Chilton, que bateu no carro do canadense e perdeu a asa dianteira.

Com bandeira amarela sinalizada e safety car na pista, oito carros aproveitaram para trocar os pneus, enquanto o britânico colocava uma nova peça.

 

A corrida foi retomada na volta 5, Newgarden e Herta não foram ao pit stop e se mantiveram nas primeiras posições. Já Veekay fez a parada e caiu para o fim da fila. O piloto da Penske não sofria ameaça na liderança e estava mais de dois segundos à frente. Fechavam o top 5 Alex Palou, Graham Rahal e Alexander Rossi, que apresentava problemas no carro após leve toque em Grosjean.

Na 14ª volta, Dixon aproveitou o baixo rendimento do americano e o ultrapassou pela quinta colocação. Logo atrás, vinham Santino Ferrucci e Pato O'Ward escalando o pelotão. Não demorou muito para eles passarem por Rossi.

Enquanto isso, os dois primeiros da corrida de sábado Marcus Ericsson e Rinus Veekay disputavam posições no fim do grid. O holandês fechou a porta e tocou no sueco, que quase foi para a parede. Resultado: problemas no pneu de Veekay e pit stop forçado para ele. O piloto da Chip Ganassi continuou na pista.

 

O top 5, formado por Newgarden, Herta, Palou, Rahal e O'Ward foi aos boxes na volta 20 e retornou na mesma ordem, com apenas alguns pilotos que estenderam a janela no meio deles. O único que voltou na mesma colocação de fato foi o líder, que não precisou enfrentar problemas com o tráfego.

O que parecia um deja-vu de sábado se formava na 23ª volta, Takuma Sato e Ericsson se aproximavam da ponta graças aos seus pit stops durante o safety car, o japonês ocupava o quarto lugar e o sueco era sexto. No entanto, a ameaça não durou muito tempo, Sato rapidamente perdeu rendimento com os pneus de faixa vermelha e foi aos boxes na volta 27, enquanto Ericsson fez a troca na 29.

Com isso, os cinco primeiros voltaram a ocupar as posições reais, com exceção de O'Ward, que foi ultrapassado por Dixon e perdeu a quinta colocação. Newgarden seguia na ponta sem ameaça desde o começo. Ainda restava mais uma rodada de pit stops e os próximos pneus do americano seriam os de faixa vermelha.

O segundo colocado Herta foi para os boxes na volta 45 e o líder fez sua parada logo na seguinte. O piloto da Andretti, com pneus de faixa preta, tinha melhor ritmo e conseguiu tirar boa diferença antes da janela. Eles voltaram a três segundos um do outro.

Apenas seis giros depois, os dois estavam colados e a única coisa que o americano da Penske podia fazer era tentar se segurar na ponta até o fim da corrida. 

Na 53ª volta, um respiro para Newgarden. Jimmie Johnson rodou na Curva 2 e não conseguiu voltar. O safety car foi acionado e agora Herta não poderia apenas pensar em atacar pela primeira posição, mas também lidar com Palou, Rahal, Dixon e O'Ward que completavam, muito próximos, o top 6.

 

Bandeira verde na volta 58 e Pato O'Ward tomou o quinto lugar do hexacampeão, enquanto Newgarden conseguiu manter a liderança e abrir vantagem. Já Colton Herta foi ameaçado por Álex Palou até outro incidente interromper a corrida. Falha mecânica no carro de Grosjean e mais uma vez o safety car entrava em cena.

 

Pista liberada com sete voltas restantes e O'Ward seguia escalando posições ao ganhar a quarta colocação de Graham Rahal e a terceira de Álex Palou. O mexicano logo alcançou Herta e, com isso, Newgarden abria diferença. 

O piloto da Arrow McLaren deixou o americano da Andretti para trás e se tornou a maior ameaça ao líder. No entanto, Herta seguia na cola e os três primeiros faziam uma grande disputa pela vitória.

Na 68ª volta, O'Ward conseguiu a ultrapassagem e assumiu a liderança para vencer a corrida de forma heróica. Newgarden não conseguiu disputar e teve que se preocupar em segurar o pódio, pois o mexicano abriu mais de cinco segundos rapidamente. Palou ainda ganhou a posição de Herta e arrancou um terceiro lugar.

 

Classificação final

Cla # Piloto Equipe Voltas Tempo Diferença Intervalo Mph
1 5 Mexico Patricio O'Ward Arrow McLaren SP 70 1:41'30.881     97.227
2 2 United States Josef Newgarden United States Team Penske 70 1:41'37.640 6.759 6.759 97.120
3 10 Spain Alex Palou United States Chip Ganassi Racing 70 1:41'37.820 6.939 0.179 97.117
4 26 United States Colton Herta Andretti Autosport with Curb-Agajanian 70 1:41'37.937 7.055 0.116 97.115
5 15 United States Graham Rahal United States Rahal Letterman Lanigan Racing 70 1:41'38.576 7.695 0.639 97.105
6 12 Australia Will Power United States Team Penske 70 1:41'39.323 8.441 0.746 97.093
7 9 New Zealand Scott Dixon United States Chip Ganassi Racing 70 1:41'39.713 8.832 0.390 97.087
8 22 France Simon Pagenaud United States Team Penske 70 1:41'39.945 9.064 0.231 97.083
9 8 Sweden Marcus Ericsson United States Chip Ganassi Racing 70 1:41'40.406 9.524 0.460 97.076
10 45 United States Santino Ferrucci United States Rahal Letterman Lanigan Racing 70 1:41'41.567 10.686 1.161 97.057
11 28 United States Ryan Hunter-Reay United States Andretti Autosport 70 1:41'41.866 10.985 0.299 97.052
12 30 Japan Takuma Sato United States Rahal Letterman Lanigan Racing 70 1:41'42.457 11.576 0.590 97.043
13 27 United States Alexander Rossi United States Andretti Autosport 70 1:41'45.091 14.209 2.633 97.001
14 29 Canada James Hinchcliffe Andretti Steinbrenner Autosport 70 1:41'45.878 14.996 0.787 96.989
15 20 United States Conor Daly United States Ed Carpenter Racing 70 1:41'46.034 15.152 0.156 96.986
16 14 France Sébastien Bourdais United States A.J. Foyt Enterprises 70 1:41'46.154 15.272 0.119 96.984
17 18 United Arab Emirates Ed Jones Dale Coyne Racing with Vasser Sullivan 70 1:41'46.999 16.118 0.845 96.971
18 21 Netherlands Rinus Kalmthout United States Ed Carpenter Racing 70 1:41'47.735 16.854 0.736 96.959
19 60 United Kingdom Jack Harvey United States Michael Shank Racing 69 1:41'48.661 1 Lap 1 Lap 95.559
20 3 New Zealand Scott McLaughlin United States Team Penske 69 1:41'55.731 1 Lap 7.070 95.449
21 48 United States Jimmie Johnson United States Chip Ganassi Racing 69 1:42'04.650 1 Lap 8.919 95.310
22 59 United Kingdom Max Chilton United Kingdom Carlin 68 1:41'50.633 2 Laps 1 Lap 94.144
23 4 Canada Dalton Kellett United States A.J. Foyt Enterprises 61 1:41'53.513 9 Laps 7 Laps 84.413
24 51 France Romain Grosjean Dale Coyne Racing with RWR 57 1:22'40.171 13 Laps 4 Laps 97.218
25 7 United States Oliver Askew Arrow McLaren SP 46 1:04'47.910 24 Laps 11 Laps 100.095

HÉLIO CASTRONEVES revela BASTIDORES da Indy 500

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Erro de Hamilton mostra um campeão sob pressão?

 

compartilhar
comentários
Indy: Newgarden conquista pole position da segunda corrida de Detroit

Artigo anterior

Indy: Newgarden conquista pole position da segunda corrida de Detroit

Próximo artigo

McLaren anuncia estreia de Magnussen na Indy neste fim de semana

McLaren anuncia estreia de Magnussen na Indy neste fim de semana
Carregar comentários