Coluna do Farfus: As diferenças das 24 horas de Le Mans e Nurburgring

compartilhar
comentários
Coluna do Farfus: As diferenças das 24 horas de Le Mans e Nurburgring
Por:
, Piloto e Colunista do Motorsport.com
19 de jun de 2019 18:24

Piloto brasileiro encara nova prova de 24 horas no próximo fim de semana e pontua os desafios de cada uma delas

Este é um dos desafios mais intensos da minha carreira. Em Le Mans fomos apenas em três pilotos e a semana anterior é muito cansativa, começando no domingo. Dormimos em casas montadas dentro do autódromo, além de muitos compromissos promocionais e sessão de autógrafos, tem o desfile de rua na sexta-feira, então a semana de Le Mans é longa e cansativa.

Fora a corrida, que estando em três, você tem pouco tempo para descansar e são planejados sempre duplos ou triplos stints, lembrando que o tempo máximo é de quatro horas de cada vez. Acontece que a decisão de quantos stints você vai fazer é decidida de última hora, em função das estratégias adotadas. O piloto que vai subir no carro antes fica de ‘stand by’ nos boxes mais ou menos duas horas antes, porque você precisa ficar pronto no caso de entrar um safety car ou qualquer mudança e última hora.

Leia também:

Efetivamente, o tempo de descanso que você tem entre um turno e outro são de duas horas e meia a três. Você tem que contar que depois que você desce do carro você tem que se alimentar, falar com os engenheiros, se trocar e dormir, então isso acaba se tornando extremamente exaustivo. A corrida de 24 horas tem a largada às 15h, mas você tem o warmup às 9h, então os pilotos já estão de pé às 7h no dia da corrida para largar às 15h. Não é uma maratona de 24 horas, é uma maratona de 36 ou 38 horas, muitas vezes.

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Antonio Felix da Costa, Augusto Farfus, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Antonio Felix da Costa, Augusto Farfus, Jesse Krohn

Photo by: Paul Foster

Neste ano decidimos fazer uma outra corrida de 24 horas, em Nurburgring, que será diferente. Junto com a prova, eu farei minha participação no WTCR, em rodada dupla. Será um fim de semana realmente maluco em que as partes física e mental serão exigidas. Como são carros diferentes, mudar o estilo de condução de um carro de tração dianteira para outro de tração traseira. Terei sessões de treinos seguidas, acabo um treino de WTCR, me troco e vou para outro carro. Vai ser um desafio diferente na minha carreira, mas estou preparado e ciente do desafio.

Falando especificamente das 24 Horas de Nurburgring, nós corremos em quatro pilotos, então você tem um tempo de descanso um pouco maior. Mas acontece que Nurburgring não tem safety car, como acontece em todas as provas de 24 horas. Além disso, cada stint é de aproximadamente de 1h10, e todo mundo acaba optando em fazer duplos, então você fica mais de duas horas no carro de bandeira verde, quando não se tem nem um segundo para descansar, a atenção é redobrada, e todo segundo que você fica atrás de um carro mais lento é um segundo perdido.

Diferentemente de Le Mans, Daytona ou Spa, que você admite perder um tempo porque sabe que em algum momento o safety car fará você recuperar esse tempo, em Nurburgring não existe isso. Se na primeira volta você tomar dez segundos do líder, esse tempo ficará até o fim da prova. Por causa disso, Nurburgring é a prova de 24 horas mais desgastante do mundo.

A preparação é quase a mesma de uma corrida de 24 horas, tentando descansar ao máximo antes da corrida, tentando também ingerir um volume grande de carboidratos porque durante a prova você não tem tempo hábil para conseguir se reidratar e compensar a perda de líquido e gorduras. É um trabalho parecido com o de um maratonista ou de um atleta de um desses esportes extremos.  

Todo o tempo que você consegue descansar é fundamental, a adrenalina te mantém pilhado, mas ela acaba também e isso pode acontecer no fim da prova, quando você está lutando pelo resultado, então você tem que saber bem controlar suas emoções, o uso de energia para chegar na hora que conta estar pronto e forte, com capacidade de brigar pelo resultado.

Além disso também tem o lado das estratégias de equipe, que muitas vezes pode ‘sacrificar’ um piloto no início, economizando energia de um outro para o fim da prova. No final, quando você vence  a corrida de 24 horas, vale o trabalho de todo mundo, independentemente do período que você guiou o carro, o troféu é seu também.

Confira imagens do carro de Augusto Farfus em Le Mans

Galeria
Lista

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
1/15

Foto de: Joe Portlock / LAT Images

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
2/15

Foto de: Joe Portlock / LAT Images

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
3/15

Foto de: Joe Portlock / LAT Images

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
4/15

Foto de: Joe Portlock / LAT Images

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
5/15

Foto de: Joe Portlock / LAT Images

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
6/15

Foto de: Joe Portlock / LAT Images

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK, BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
7/15

Foto de: Joe Portlock / LAT Images

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
8/15

Foto de: JEP / LAT Images

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
9/15

Foto de: JEP / LAT Images

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
10/15

Foto de: JEP / LAT Images

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
11/15

Foto de: JEP / LAT Images

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus, Antonio Felix da Costa, Jesse Krohn
12/15

Foto de: JEP / LAT Images

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus
13/15

Foto de: JEP / LAT Images

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Augusto Farfus
14/15

Foto de: JEP / LAT Images

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Antonio Felix da Costa, Augusto Farfus, Jesse Krohn

#82 BMW Team MTEK BMW M8 GTE: Antonio Felix da Costa, Augusto Farfus, Jesse Krohn
15/15

Foto de: Nikolaz Godet / Motorsport.com

Próximo artigo
Coluna do Vicente Sfeir: Sucesso em Le Mans mostra que o Brasil segue muito bem, obrigado!

Artigo anterior

Coluna do Vicente Sfeir: Sucesso em Le Mans mostra que o Brasil segue muito bem, obrigado!

Próximo artigo

Verstappen diz que quer fazer 24 Horas de Le Mans ao lado do pai

Verstappen diz que quer fazer 24 Horas de Le Mans ao lado do pai
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Le Mans
Autor Augusto Farfus
Seja o primeiro a receber as últimas notícias