Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
24 dias
Fórmula E IndyCar
R
Long Beach
16 abr
Canceled
R
Birmingham
16 abr
Próximo evento em
46 dias
NASCAR Cup MotoGP
25 mar
Próximo evento em
24 dias
R
GP da Argentina
08 abr
Postponed

Red Bull e Oreca anunciam parceria para carro a hidrogênio em Le Mans

Estreia de novo carro deve acontecer na edição de 2024 das 24 Horas de Le Mans

compartilhar
comentários
Red Bull e Oreca anunciam parceria para carro a hidrogênio em Le Mans

A Red Bull Advanced Technologies (RBAT) fará parceria com a francesa Oreca para produzir o chassi para a nova classe de hidrogênio definida para ser apresentada nas 24 Horas de Le Mans em 2024.

A empresa irmã da equipe Red Bull Racing na Fórmula 1, que também está desenvolvendo o carro de rua, Valkyrie, da Aston Martin, juntou forças com a Oreca para fazer o chassi de uma marca para a nova categoria de protótipos movidos a hidrogênio.

Leia também:

A primeira tarefa das empresas é "realizar e fornecer um estudo detalhado de viabilidade para o conceito do veículo", de acordo com um comunicado do organizador de Le Mans, o Automobile Club de l'Ouest.

Chefe da Red Bull e também CEO da RBAT, Christian Horner, disse: “Estou muito feliz que a Red Bull Advanced Technologies tenha sido escolhida pela ACO junto com nosso parceiro Oreca para desenvolver o conceito de um carro de endurance movido a hidrogênio para Le Mans.”

"A RBAT está bem qualificada para enfrentar o desafio definido pelo ACO, tendo acesso a muitas das ferramentas usadas para projetar e desenvolver o carro de F1 da Red Bull Racing, juntamente com uma experiência significativa em outros programas de veículos de ponta.”

“A classe de hidrogênio em Le Mans oferece uma visão empolgante do futuro do automobilismo sustentável e promete avançar no uso do hidrogênio no transporte e também proporcionará corridas emocionantes”.

O chefe da Oreca, Hugues de Chaunac, acrescentou: "A Oreca gosta de desafios e mudanças pioneiras, e podemos expressar plenamente nossos talentos em um empreendimento tão envolvente."

O presidente do ACO, Pierre Fillon, expressou confiança de que o envolvimento da RBAT e da Oreca, que também é um dos quatro construtores licenciados para produzir chassis LMP2, "atrairá ainda mais interesse dos fabricantes de automóveis, especialmente daqueles que contribuem regularmente para o nosso grupo de trabalho do hidrogênio".

RBAT e Oreca juntam-se à Plastic Optimum, que já havia sido anunciada como fornecedora dos tanques de combustível para a nova classe.

Um anúncio é esperado em breve sobre os motores dos novos carros.

Não está claro neste estágio se os fabricantes serão capazes de desenvolver sua própria tecnologia de célula de combustível ou terão que usar um trem de força comum.

O ACO tem trabalhado para a nova classe sob a bandeira da Mission H24 em colaboração com a organização GreenGT nos últimos três anos.

A iniciativa foi lançada na etapa de Spa da European Le Mans Series em setembro de 2018 com a demonstração do protótipo LMPH2G baseado em um carro ADESS LMP3 com uma célula de combustível fornecendo energia para quatro motores elétricos.

O carro foi posteriormente demonstrado em todo o circuito de Le Mans durante a semana das 24 Horas de 2019 e, mais tarde naquele ano, participou dos treinos livres para um evento da Le Mans Cup.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

LECLERC detalha como PILOTOS trabalham componente FUNDAMENTAL em um carro de F1

PODCAST: Chico Serra esclarece rivalidade com Piquet, amizade com Senna e briga com Raul Boesel

 

Marco Andretti estuda disputar provas do IMSA em 2021

Artigo anterior

Marco Andretti estuda disputar provas do IMSA em 2021

Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Le Mans , WEC
Autor Gary Watkins