Em duelo emocionante, Mir vence primeira da carreira

Joan Mir largou na pole e venceu batalha entre cinco pilotos para conquistar primeira volta da carreira em ano de estreia; Brad Binder, em segundo, ampliou liderança do campeonato

Em duelo emocionante, Mir vence primeira da carreira

A Moto3 tem, a partir deste domingo (14), um novo nome no rol de vencedores: Joan Mir, que estreou na categoria neste ano, bateu Brad Binder e venceu o GP da Áustria, prova que marca o retorno das atividades do Mundial de Motovelocidade após o fim das férias de verão na Europa.

O espanhol, que largou na pole, foi um dos protagonistas de uma bela batalha pela vitória, que contou com cinco pilotos em grande parte do tempo – Mir, Binder, Fabio Quartararo, Enea Bastianini e Phillipp Oettl.

A batalha foi intensa até a última volta, quando Mir conseguiu se colocar à frente no trecho mais sinuoso do Red Bull Ring e seguiu firme para o primeiro triunfo da carreira.

Para Binder, que terminou em segundo, o domingo foi bom em termos de campeonato, já que Jorge Navarro abandonou. Com isso, o sul-africano ampliou a liderança em 20 pontos – 179 a 112.

A corrida

Na largada, Binder e Bastianini pularam à frente de Mir, que se recuperou na abertura da segunda volta para recuperar a liderança. Em um giro e meio o trio já se destacava do resto do pelotão.

Binder se aproveitou de um erro de Mir para assumir a liderança no meio da terceira volta, mas como de costume na Moto3, o primeiro lugar não ficava por muito tempo na mão de um só piloto.

Mais do que isso, a disputa permitiu que outros pilotos se juntassem à disputa pela vitória – no fim da sétima volta, os dez primeiros estavam andando juntos. A 16 giros do fim, quem surgiu na batalha pela ponta foi Fabio Quartararo. Mas com a presença de Phillpp Oettl e Bastianini por ali, Binder conseguiu respirar por algumas voltas.

Faltando dez giros para o final, o grupo da briga pelo triunfo se reduziu a seis pilotos: Binder, Quartararo, Bastianini Oettl e Mir. O líder do campeonato, por mais que pressionado pelos rivais, logo retomava a liderança.

A seis voltas do final, entretanto, Binder cometeu um pequeno erro e caiu para a quinta posição, com o pole Mir subindo para a liderança. Com o erro, o sul-africano ficou logo à frente de Jorge Navarro, vice-líder do campeonato. Porém, não por muito tempo: o espanhol caiu na curva 3 e abandonou a prova.

Enquanto isso, Binder tentava se recolocar na briga pela vitória. A duas voltas do final, os cinco pilotos seguiam em uma batalha intensa pelo primeiro lugar e a disputa só se definiu no giro final.

A última volta teve de tudo, incluindo Binder, Mir e Bastianini lado a lado a caminho da curva 4. E foi na saída da curva 4 que o espanhol pavimentou o caminho para a primeira vitória, ao conseguir se colocar à frente de Quartararo.

Binder colocou por dentro na curva 5 e subiu para segundo, mas não havia mais tempo para retomar a liderança. Mir, então, conquistou a primeira vitória da careira, seguido pelo sul-africano e por Bastianini, que conseguiu roubar o último posto do pódio das mãos de Quartararo na linha de chegada. Oettl completou o grupo dos cinco primeiros.

Jorge Martin, Bo Bendsneyder, Fabio Di Giannantonio, Nicolo Bulega e Livio Loi fecharam, nesta ordem, o top-10 no Red Bull Ring.

Confira o resultado final:

Pos. Pontos Num. Piloto Equipe Moto Tempo/Dif.
1 25 36 Joan MIR Leopard Racing KTM 37'23.325
2 20 41 Brad BINDER Red Bull KTM Ajo KTM +0.279
3 16 33 Enea BASTIANINI Gresini Racing Moto3 Honda +0.431
4 13 20 Fabio QUARTARARO Leopard Racing KTM +0.439
5 11 65 Philipp OETTL Schedl GP Racing KTM +0.600
6 10 88 Jorge MARTIN Pull & Bear ASPAR Mahindra Team Mahindra 4.134
7 9 64 Bo BENDSNEYDER Red Bull KTM Ajo KTM 4.161
8 8 4 Fabio DI GIANNANTONIO Gresini Racing Moto3 Honda 4.970
9 7 8 Nicolo BULEGA SKY Racing Team VR46 KTM 4.972
10 6 11 Livio LOI RW Racing GP BV Honda 5.262
11 5 21 Francesco BAGNAIA Pull & Bear ASPAR Mahindra Team Mahindra 5.415
12 4 58 Juanfran GUEVARA RBA Racing Team KTM 5.871
13 3 55 Andrea LOCATELLI Leopard Racing KTM 5.905
14 2 6 Maria HERRERA MH6 Team KTM 12.775
15 1 76 Hiroki ONO Honda Team Asia Honda 12.839
16   95 Jules DANILO Ongetta-Rivacold Honda 12.942
17   40 Darryn BINDER Platinum Bay Real Estate Mahindra 14.090
18   23 Niccolò ANTONELLI Ongetta-Rivacold Honda 14.406
19   84 Jakub KORNFEIL Drive M7 SIC Racing Team Honda 14.517
20   62 Stefano MANZI Mahindra Racing Mahindra 14.545
21   44 Aron CANET Estrella Galicia 0,0 Honda 14.663
22   12 Albert ARENAS Peugeot MC Saxoprint Peugeot 17.132
23   7 Adam NORRODIN Drive M7 SIC Racing Team Honda 17.443
24   17 John MCPHEE Peugeot MC Saxoprint Peugeot 28.306
25   16 Andrea MIGNO SKY Racing Team VR46 KTM 28.405
26   42 Marcos RAMIREZ Platinum Bay Real Estate Mahindra 40.213
27   89 Khairul Idham PAWI Honda Team Asia Honda 40.361
28   43 Stefano VALTULINI 3570 Team Italia Mahindra +1'04.040
29   3 Fabio SPIRANELLI CIP-Unicom Starker Mahindra +1'04.058
30   77 Lorenzo PETRARCA 3570 Team Italia Mahindra +1'04.513
Não completou 9 Jorge NAVARRO Estrella Galicia 0,0 Honda 5 voltas
Não completou 19 Gabriel RODRIGO RBA Racing Team KTM 9 voltas
Não completou 53 Marco BEZZECCHI Mahindra Racing Mahindra 18 voltas
Não completou 24 Tatsuki SUZUKI CIP-Unicom Starker Mahindra 18 voltas
compartilhar
comentários
Equipe de Rossi suspende Romano Fenati de GP da Áustria
Artigo anterior

Equipe de Rossi suspende Romano Fenati de GP da Áustria

Próximo artigo

Rossi: "Infelizmente tivemos que desistir de Fenati"

Rossi: "Infelizmente tivemos que desistir de Fenati"
Carregar comentários