MotoGP
25 mar
Próximo evento em
27 dias
R
GP da Argentina
08 abr
Postponed
R
GP das Américas
15 abr
Postponed
R
GP da Espanha
29 abr
Próximo evento em
62 dias
R
GP da França
13 mai
Próximo evento em
76 dias
R
GP da Itália
27 mai
Próximo evento em
90 dias
R
GP da Catalunha
03 jun
Próximo evento em
97 dias
R
GP da Alemanha
17 jun
Próximo evento em
111 dias
R
GP da Holanda
24 jun
Próximo evento em
118 dias
R
GP da Finlândia
08 jul
Próximo evento em
132 dias
R
GP da Áustria
12 ago
Próximo evento em
167 dias
R
GP da Grã-Bretanha
26 ago
Próximo evento em
181 dias
R
GP de Aragón
09 set
Próximo evento em
195 dias
R
GP de San Marino
16 set
Próximo evento em
202 dias
R
GP do Japão
30 set
Próximo evento em
216 dias
R
GP da Tailândia
07 out
Próximo evento em
223 dias
R
GP da Austrália
21 out
Próximo evento em
237 dias
28 out
Próximo evento em
244 dias
R
GP de Valência
11 nov
Próximo evento em
258 dias

MotoGP: Crutchlow assina com Yamaha como piloto de testes para 2021

Britânico assumirá vaga de Jorge Lorenzo, marcando uma volta à montadora onde iniciou sua trajetória na MotoGP

compartilhar
comentários
MotoGP: Crutchlow assina com Yamaha como piloto de testes para 2021

Próximo de sua última corrida com a LCR Honda, o britânico Cal Crutchlow confirmou nesta sexta (13), após o primeiro treino livre para o GP de Valência da MotoGP, qual será o seu destino em 2021: ele passará a ser o piloto de testes da Yamaha, ocupando a vaga que pertencia a Jorge Lorenzo.

Crutchlow voltará a correr pela montadora onde estreou na categoria rainha em 2011, quando assinou com a Tech3, conquistando seis pódios entre 2012 e 2013 antes de uma troca pela Ducati para 2014.

Leia também:

Mais cedo no ano foi anunciado que ele perderia a vaga na equipe satélite da Honda para Álex Márquez que, por sua vez, perderá a vaga na equipe oficial para Pol Espargaró. Na quinta, o britânico havia confirmado que estava próximo de assinar com a Yamaha.

A montadora japonesa confirmou a informação e deixou a porta aberta para possíveis participações especiais de Crutchlow em provas ao longo de 2021.

"Estou muito feliz por voltar à montadora pela qual venci um Mundial. Eu andei com eles nos Mundiais de Supersport e Superbike e me trouxeram à MotoGP. Obviamente meu primeiro ano foi muito difícil, mas eu tive dois bons anos na sequência e uma ótima experiência com a fábrica".

"É algo que eu estava muito interessado, um projeto que eu acredito que funcione muito, muito bem para mim. Eles precisam de um piloto de testes que seja rápido e esteja disposto a cumprir a função, que se comprometa por um ano e que queria correr, o que concordo totalmente".

Anteriormente, o britânico estava ligado à Aprilia e admite que teve discussões com a montadora ao longo do ano, mas não estava disposto a esperar a conclusão do recurso de Iannone.

"Eles me queriam lá. Falei com eles desde março, e por mais que eles quisessem fechar um acordo, também queriam esperar por Andrea", disse ao Motorsport.com. "E eu não podia esperar, então disse a eles antes do anúncio de Andrea que eu não queria mais".

Crutchlow substitui Jorge Lorenzo, que admitiu recentemente que negocia com a Aprilia para assumir a vaga de piloto de testes.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Hamilton despista sobre Rosberg, analisa Bottas e ‘esquece’ Alonso; assista e entenda

PODCAST: O calendário 'pós-pandemia' da F1 2021 é o mais correto? Ouça o debate

 

MotoGP: com receio de contaminação, Mir quer "encerrar" disputa pelo título neste fim de semana

Artigo anterior

MotoGP: com receio de contaminação, Mir quer "encerrar" disputa pelo título neste fim de semana

Próximo artigo

MotoGP: Miller lidera dia de treinos para o GP de Valência; Mir é 12º

MotoGP: Miller lidera dia de treinos para o GP de Valência; Mir é 12º
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Autor Lewis Duncan