MotoGP: Lorenzo detona Yamaha por tratamento dado a Morbidelli

Piloto ítalo-brasileiro continua com sua moto 'A-spec' para a temporada de 2021

MotoGP: Lorenzo detona Yamaha por tratamento dado a Morbidelli

O tricampeão mundial da MotoGP Jorge Lorenzo acredita que a Yamaha não está tratando Franco Morbidelli  “da melhor maneira”.

Morbidelli continua com sua moto 'A-spec' para a temporada de 2021, que é efetivamente uma Yamaha de 2019 ligeiramente melhorada.

Leia também:

A marca japonesa venceu as três corridas até agora - com sua dupla de fábrica Maverick Viñales e Fabio Quartararo, com este último liderando a classificação por 15 pontos.

Morbidelli lutou para chegar ao 18º lugar no GP do Catar depois de sofrer com um problema técnico, e atualmente está em 11º na classificação dos pilotos depois de terminar em 12º e 4º nas etapas de Doha e Portugal, respectivamente.

Apesar do ex-piloto de fábrica da Yamaha, Lorenzo, sentir que ítalo-brasileiro não está sendo tratado como deveria, ele disse que Morbidelli tem que se concentrar em “mostrar à Yamaha que está errada”.

“Bem, a minha opinião é talvez bastante forte, mas penso que a Yamaha, neste caso, não está tratando o Franco da melhor forma porque [ele] foi o segundo da geral no ano passado,” disse.

“A Ducati dá aos quatro pilotos [da equipa de fábrica e da Pramac] praticamente a mesma moto e a Yamaha não o está dando, precisamente com o Franco."

“Mas assim que ele colocar o capacete e subir na moto, ele tem que se concentrar em tirar o máximo dele e mostrar à Yamaha que está errada ao não lhe dar o mesmo tratamento.”

Lorenzo também comentou sobre as principais fraquezas de Viñales como piloto atualmente, após sua difícil corrida em Portimão.

“Ele é jovem e vai sair desta e vencer corridas de novo,” disse.

“O que fica claro é que ele tem duas desvantagens que o limitam muito."

“O primeiro são os começos; ele tem que melhorar nisso, ele tem que levar muito a sério a tentativa de melhorá-los, porque eles estão o limitando muito."

“E depois aqueles altos e baixos emocionais que eu acho que ele tem, eu acho que ele precisa ser muito mais consistente porque no final sempre vai haver problemas."

“A Yamaha não vai bem em alguns circuitos, em outros será você que não será rápido no circuito ou com a moto e não pode ir além."

“Você terá colisões, lesões, momentos em que ficará pior fisicamente ou emocionalmente e aí terá que ser consistente, sempre pensar positivo, tentar obter o máximo de pontos possíveis sem desculpas e não falar que tudo é um desastre", concluiu. 

F1 AO VIVO: Corridas aos sábados, GP no BRASIL, Mercedes vs Red Bull, Stock Car e mais | RETA FINAL

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Por que temporada de 2021 promete ser a mais equilibrada dos últimos anos?

 

compartilhar
comentários
MotoGP: Márquez está proibido de subir em moto desde GP de Portugal

Artigo anterior

MotoGP: Márquez está proibido de subir em moto desde GP de Portugal

Próximo artigo

Equipe de Rossi, VR46 fará parte do grid da MotoGP em 2022, com apoio saudita

Equipe de Rossi, VR46 fará parte do grid da MotoGP em 2022, com apoio saudita
Carregar comentários