MotoGP: Rins enviava mensagem quando bateu de bicicleta em uma van em Barcelona; saiba

Piloto espanhol ficou de fora do GP da Catalunha após fraturar o braço direito

MotoGP: Rins enviava mensagem quando bateu de bicicleta em uma van em Barcelona; saiba

Álex Rins, da Suzuki, revelou que o acidente de bicicleta que sofreu antes da corrida da MotoGP em Barcelona aconteceu enquanto enviava "uma mensagem importante" no celular.

O espanhol ficou de fora do GP da Catalunha após quebrar o rádio, osso do braço direito em um incidente durante um treinamento. Rins estava andando de bicicleta no circuito de Barcelona quando caiu.

Leia também:

O piloto da Suzuki revelou antes do GP da Alemanha deste final de semana - tendo sido declarado apto para competir após a cirurgia - que estava a enviando “uma mensagem importante” no celular quando bateu em uma van. 

“A verdade é esta - caí lá em Montmelo porque estava enviando uma mensagem importante”, disse Rins na quinta-feira (17) em Sachsenring.

“Com certeza precisamos ficar longe de nossos telefones porque quando estamos dirigindo e eu me incluo, sempre pegamos o telefone para ver a hora, para mandar uma mensagem e se você prestar atenção no telefone que você usa, acaba não prestando atenção aos outros carros."

“Com certeza é difícil. Prefiro bater na van, como fiz, do que bater em uma pessoa."

“Portanto, este é um exemplo claro [dos perigos].”

Alex Rins, Team Suzuki MotoGP

Alex Rins, Team Suzuki MotoGP

Photo by: Gold and Goose / Motorsport Images

Rins disse que voltou para seu motorhome sem problemas após o incidente, mas percebeu que algo estava errado quando chegou ao hospital em Barcelona.

“Lembro-me de tudo”, acrescentou. “Quando eu bati na van, eu me levantei e tinha um cara lá."

“Ele me deu uma garrafa d'água, limpei um pouco a perna, o pé que estava com um pouco de sangue."

“Quando eu vi o braço naquele momento não estava tão ruim."

“Depois do acidente, eu peguei a bicicleta, pedalei até o meu motorhome sem o celular - o telefone já estava quebrado, a tela dele."

“Eu fui para o hospital e, quando cheguei, vi a muito líquido na parte superior da mão e estava sentindo talvez alguma coisa [estava quebrado]."

“O doutor [Xavier] Mir e sua equipe me deram a opção de quatro semanas com o gesso e começar a me recuperar ou ser operado e em uma semana começar a me movimentar."

“Com certeza, sou um piloto e quero estar com a moto o mais rápido possível. Então, eu escolhi a opção mais rápida", concluiu.

Félix da Costa diz que Marko é "MATADOR" implacável e fala sobre 'CHANCE PERDIDA’ na F1

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Qual é o tamanho do 'drama' de Bottas e Mercedes em 2021?

 

compartilhar
comentários
MotoGP: Oliveira lidera TL2 e é o mais rápido do dia na Alemanha
Artigo anterior

MotoGP: Oliveira lidera TL2 e é o mais rápido do dia na Alemanha

Próximo artigo

MotoGP: Márquez não se vê mal como Rossi, que lamenta fase ruim

MotoGP: Márquez não se vê mal como Rossi, que lamenta fase ruim
Carregar comentários