MotoGP: Rins fratura o braço e desfalca Suzuki no GP da Catalunha

Espanhol, que acumula quedas sucessivas nas últimas corridas, terá apenas duas semanas para se recuperar antes do GP da Alemanha

MotoGP: Rins fratura o braço e desfalca Suzuki no GP da Catalunha

A Suzuki terá uma importante baixa no GP da Catalunha da MotoGP neste fim de semana. Álex Rins está fora do final de semana após quebrar o rádio, osso do braço direito, nesta quinta, em um incidente durante um treinamento.

Rins estava andando de bicicleta no circuito de Barcelona quando caiu, fraturando o braço direito.

Leia também:

Após exames no Hospital Universitário Dexeus, em Barcelona, o afastamento de Rins da etapa da Catalunha foi oficializado. Sua fratura foi estabilizada e ele passará por uma cirurgia na sexta-feira.

A notícia vem como um novo golpe nas esperanças de Rins de se colocar na luta pelo título. O espanhol da Suzuki vem em uma má fase, com quatro quedas sucessivas que já o deixaram 82 pontos atrás do líder Fabio Quartararo.

"Álex Rins não disputará seu GP de casa após um acidente de ciclismo", anunciou o comunicado da Suzuki. "O piloto da Suzuki infelizmente ficará de fora do GP da Catalunha devido a um infeliz acidente sofrido durante um treinamento nesta manhã com sua moto na pista".

"O espanhol caiu durante uma volta de treinamento e, como resultado, sofreu danos em seu braço direito, com uma grande área de contusão e dor. Ele foi rapidamente levado ao hospital para mais exames, que revelaram uma fratura no osso rádio".

"A fratura foi imobilizada e amanhã ele passará por uma cirurgia corretiva pela manhã. Novas informações serão divulgadas em boletins".

A Suzuki confirmou que não colocará um substituto no lugar de Rins, apesar do piloto de testes, Sylvain Guintoli estar in loco para atuar como comentarista do GP da Catalunha, além de um teste marcado com a montadora na pista para segunda.

"É uma pena o que aconteceu hoje", disse Rins. "Eu realmente queria correr aqui em Montmeló, tendo uma performance sólida para me reencontrar após umas corridas difíceis".

"Amanhã passarei por uma cirurgia e, só depois disso falaremos de uma janela para recuperação. De qualquer modo, darei o meu melhor para retomar a sensibilidade assim que possível, para voltar rapidamente".

Rins não terá muito tempo para se recuperar antes da próxima corrida, o GP da Alemanha em Sachsenring em 20 de junho antes do GP da Holanda, em Assen, na semana seguinte.

"Não sei ainda se estarei pronto para o GP da Alemanha, mas darei o meu melhor para estar pronto até lá. Muito obrigado pelas mensagens de apoio".

Essa é a segunda temporada consecutiva em que Rins é forçado a perder corridas devido a lesões. No ano passado, ele perdeu o GP da Espanha ao sofrer uma fratura no ombro devido a uma queda durante a classificação.

F1 2021: O QUEBRA-CABEÇAS das equipes e pilotos na DESAFIADORA Baku com RICO PENTEADO | TELEMETRIA

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast- Quais os episódios fora da F1 que mais marcaram nossas vidas?

 

 

compartilhar
comentários
Entenda dilema da MotoGP após tragédia de Dupasquier

Artigo anterior

Entenda dilema da MotoGP após tragédia de Dupasquier

Próximo artigo

MotoGP: Pramac mantém Zarco e Martín para 2022; Gardner subirá da Moto2 para correr na Tech3

MotoGP: Pramac mantém Zarco e Martín para 2022; Gardner subirá da Moto2 para correr na Tech3
Carregar comentários