Pontuação, horários e mais: saiba tudo sobre as corridas sprint da MotoGP

Anúncio foi realizado no sábado do GP da Áustria; modelo será adotado em todas as etapas da temporada 2023

KTM Tech3 on the grid

No último sábado (20), a MotoGP confirmou a introdução das corridas sprint na categoria rainha a partir do próximo ano. O anúncio foi feito em uma coletiva com Carmelo Ezpeleta, CEO da Dorna Sports, Jorge Viegas, presidente da Federação Internacional de Motociclismo e Hervé Poncharal, presidente da Associação de Montadoras.

Pouco depois, a FIM emitiu um comunicado detalhando, por escrito, como serão essas corridas de curta duração. As Sprints, que serão realizadas em todos os finais de semana da temporada 2023, acontecerão sempre às 15h do sábado.

Leia também:

Sua duração será de, aproximadamente, 50% da distância total da corrida do domingo. No caso da Áustria, etapa do último fim de semana, o GP contou com 28 voltas, o que deixaria a sprint com, aproximadamente, 14 giros.

Mas um dos pontos que mais levantou dúvidas após a revelação exclusiva do Motorsport.com na sexta-feira era o sistema de pontuação, que será aproximadamente a metade da corrida do domingo. O vencedor levará 12 pontos, o segundo nove, o terceiro sete e, assim sucessivamente até o nono colocado.

 

A sprint também não afetará a formação do grid de largada do domingo. A diferença do formato para o que se usa na F1 é que quem vencer no sábado não será o pole do domingo (a não ser que este também seja o mais rápido do Q2).

Para dar mais tempo à sprint, o formato do fim de semana ganhará novos contornos. Na sexta serão mantidos TL1 e TL2 com uma duração maior. A formação dos grupos da classificação levarão em conta apenas essas duas sessões.

No sábado, os pilotos terão o TL3 de 30 minutos ocupando o espaço que hoje é do TL4, com a classificação começando na sequência, sem mudanças ao formato atual. O resultado da sessão determinará o grid de largada de ambas as corridas, permitindo que os pilotos sejam livres para correr no sábado sem restrições.

Podcast #191 – O que primeira parte da temporada da F1 em 2022 trouxe de bom e ruim?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior MotoGP: Mir sofre lesão no pé direito após queda no GP da Áustria
Próximo artigo MotoGP: Mir não disputará etapa de Misano após lesão no tornozelo sofrida na Áustria

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil