MotoGP
R
GP do Catar
05 mar
-
08 mar
Próximo evento em
46 dias
R
GP da Tailândia
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
60 dias
R
GP das Américas
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
74 dias
R
GP da Argentina
16 abr
-
19 abr
Próximo evento em
88 dias
R
GP da Espanha
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
102 dias
R
GP da França
14 mai
-
17 mai
Próximo evento em
116 dias
R
GP da Itália
28 mai
-
31 mai
Próximo evento em
130 dias
R
GP da Catalunha
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
137 dias
R
GP da Alemanha
18 jun
-
21 jun
Próximo evento em
151 dias
R
GP da Holanda
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
158 dias
R
GP da Finlândia
09 jul
-
12 jul
Próximo evento em
172 dias
R
GP da República Tcheca
06 ago
-
09 ago
Próximo evento em
200 dias
R
GP da Áustria
13 ago
-
16 ago
Próximo evento em
207 dias
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
221 dias
R
GP de San Marino
10 set
-
13 set
Próximo evento em
235 dias
R
GP de Aragón
01 out
-
04 out
Próximo evento em
256 dias
R
GP do Japão
15 out
-
18 out
Próximo evento em
270 dias
R
GP da Austrália
23 out
-
25 out
Próximo evento em
278 dias
R
GP da Malásia
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
284 dias
R
GP de Valência
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
298 dias

Rossi vê duelo com Lorenzo na Catalunha em 2009 como melhor atuação

compartilhar
comentários
Rossi vê duelo com Lorenzo na Catalunha em 2009 como melhor atuação
Por:
29 de dez de 2018 16:02

Italiano lembra que briga com espanhol ocorreu durante todo o final de semana, tendo seu desfecho famoso na última curva da corrida

Valentino Rossi tem uma longa e bem sucedida carreira com inúmeros duelos dentro e fora da pista. Depois que ele dificilmente pôde lutar pelas vitórias ou pelo título mundial em 2018, o italiano preferiu se lembrar de uma de suas mais brilhantes conquistas. Seu melhor duelo? Barcelona 2009, segundo o próprio "Doutor". Neste mesmo momento, o ponto mais baixo de sua relação com Jorge Lorenzo na garagem da Yamaha foi alcançado.

Cinco pontos separavam os dois pilotos no campeonato antes do GP da Catalunha, a sexta corrida da temporada 2009. Tanto Rossi como Lorenzo queriam atacar o líder do campeonato, Casey Stoner. A Yamaha estava de olho, com o espanhol apenas quatro pontos atrás do australiano e o italiano nove.

Mas o duelo interno dos companheiros de equipe prevaleceu, mais uma vez, sobre os interesses da equipe. O muro dentro do box era um sinal claro. Os dados também não eram trocados. Em sua segunda temporada na MotoGP, Lorenzo já estava em plena forma e desafiava o atual campeão.

Luta desde sexta-feira

Mas Rossi não estava disposto a ceder, e em Barcelona ​​o duelo na pista teve que ser comemorado. Foi muito além dos 25 pontos da vitória: foi sobre orgulho, honra e supremacia na Yamaha. O próprio Rossi viu o duelo nove anos depois como o mais belo de sua carreira.

 

"Desde a manhã de sexta-feira nós já lutávamos um contra o outro. Primeiro pelos melhores lugares nas sessões de treino, depois pela pole position e o primeiro lugar no warm up e depois na corrida toda até à última curva", recorda Italiano

Lorenzo chegou com duas vitórias antes de Barcelona – Japão e França. Rossi, por outro lado, venceu em Jerez. Ele queria colocar seu jovem adversário em seu lugar. Ele garantiu o melhor tempo no primeiro treino livre, mas Lorenzo respondeu no segundo treino com o melhor tempo. Também na classificação, o espanhol cravou a pole em cima do italiano com 0s013 de vantagem sobre seu companheiro de equipe para alcançar a pole position.

A corrida

No domingo, Rossi marcou o melhor tempo no warm up, desta vez 0s048 à frente de Lorenzo. Na corrida, a liderança entre os pilotos da Yamaha mudou inúmeras vezes. No início, Lorenzo garantiu a liderança, mas na quarta volta, o italiano assumiu o primeiro lugar da corrida. Na volta 13, Lorenzo devolveu o golpe. As últimas voltas da corrida foram particularmente emocionantes.

 

Três voltas antes do final da corrida, Rossi voltou para o primeiro lugar. Curva após curva, Lorenzo ousou atacá-lo. O espanhol se tornou líder novamente na última volta da corrida. Ele conseguiu resistir aos ataques de Rossi até a última curva, mas o "Doutor" não desistiu e na última curva fez uma manobra que entrou para a história. Rossi venceu com 0s095 à frente de Lorenzo.

No fim, para coroar a bela prova, Rossi, Lorenzo e Stoner empataram na liderança do mundial.

"Acho que foi a melhor corrida da minha carreira, já que estávamos em pé de igualdade", disse Rossi quase dez anos depois.

O italiano vai encarar sua 18ª temporada de MotoGP em 2019. Durante este longo período, ele conseguiu ver um aumento significativo na intensidade da competição, especialmente nos últimos anos.

"O nível de desempenho é incrível no momento", disse o italiano. "Os primeiros 12 estão perto de sexta-feira de manhã até domingo à tarde."

Rossi atribui esse desenvolvimento aos seguintes fatores: eletrônica padrão (desde 2016), pneus Michelin (desde 2016) e continuidade do regulamento.

"Todos os pilotos podem escolher o pneu perfeito para o seu estilo de condução, e os regulamentos técnicos foram estabelecidos há algum tempo, e pouco mudou desde que todas as motos estão melhorando. Então estamos nos aproximando de um nível muito semelhante."

Próximo artigo
Lorenzo: “Possibilidade de me aposentar me deixou deprimido”

Artigo anterior

Lorenzo: “Possibilidade de me aposentar me deixou deprimido”

Próximo artigo

Dovi acha que quedas no início do ano fizeram Ducati ficar mais forte

Dovi acha que quedas no início do ano fizeram Ducati ficar mais forte
Carregar comentários