NASCAR Brasil Velocitta

NASCAR Brasil promove 'estreia' do Velocitta na final da Special Edition

Autódromo receberá o campeonato pela sétima vez, mas é a primeira vez que será palco do torneio, que define os campeões de 2023 em setembro

NASCAR Brasil

A NASCAR Brasil desembarca em setembro pela sétima vez no Autódromo Velocitta, em Mogi Guaçu, interior de São Paulo. Mas após a primeira passagem, em 2017, e um total de 12 corridas depois, a próxima marca uma estreia para a categoria, com a pista recebendo pela primeira vez uma etapa da Special Edition, com a Grande Final do torneio.

A prova acontecerá no final de semana, de 08 a 10 de setembro e os competidores viverão mais esta emoção na briga pelo título da Special Edition em um autódromo de primeiro mundo com visual muito bonito. 

Leia também:

O Autódromo Velocitta é um imenso jardim de 600 mil metros quadrados de grama, com alamedas floridas, lagos e palmeiras imperiais que recebem os visitantes com sua exuberância. Encravada em toda essa beleza, uma pista de nível internacional, construída sob os mais rígidos padrões de segurança.

O circuito do interior paulista está situado dentro da Fazenda Paineiras, possui 14 curvas com um traçado bastante técnico, com variantes que permitem diferentes desenhos da pista.

Homologado pela CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo) e pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo) em 2012, o circuito é o segundo no estado de São Paulo a receber a NASCAR Brasil junto com Interlagos, que compõe o calendário da categoria desde a sua fundação também em 2012.

O traçado destinado para a NASCAR Brasil terá 3.438 metros de extensão (circuito curto) e utilizará a Curva da Caipirinha, uma variante do circuito entre as curvas 3 e 4 que deixa a volta ainda mais rápida.

A inspiração veio de uma das mais conhecidas curvas do mundo, a Eau Rouge, em Spa-Francorchamps, na Bélgica. Outro setor bastante dinâmico é o da Ferradura, onde a técnica e a perícia de cada piloto são determinantes.

A NASCAR Brasil Sprint Race é conta com apoio da Pirelli, Frum e fornecedores oficiais Militec1, Embreagex, Nano4you, Tecpads, Sparco, Real Radiadores, Zanoello e Graxa.

Vencedores de 2022 no Velocitta:

Corrida 1 – Arthur Gama (Geral e categoria PROAM), Pedro Costa (PRO) e Giovani Girotto (AM)

Corrida 2 – Thiago Camilo (Geral e categoria PRO), Arthur Gama (PROAM) e Roberto Possas (AM).

Qual a DIFERENÇA entre o domínio de Max com a Red Bull e o pico de Hamilton/Mercedes? E a McLaren?

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #243 – Quem faz da F1 em 2023 um verdadeiro fiasco?

 

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior NASCAR Brasil: Final da Special Edition chega com duelo por título na PRO
Próximo artigo Lenda do automobilismo norte-americano, Paul Tracy vai correr na NASCAR Brasil

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil