Stock Car Brasil
18 out
-
20 out
Evento encerrado
08 nov
-
10 nov
Evento encerrado
22 nov
-
24 nov
Evento encerrado
13 dez
-
15 dez
Evento encerrado

Chevrolet diz que tem interesse em presença de marcas rivais na Stock Car

compartilhar
comentários
Chevrolet diz que tem interesse em presença de marcas rivais na Stock Car
Por:
Co-autor: Erick Gabriel
3 de jun de 2019 19:19

Henry Soares, coordenador de marketing e eventos da GM, disse que intenção de companhia é manter modelo Cruze na categoria no próximo ano

O ano de 2020 promete ser bastante diferente na maior categoria do automobilismo brasileiro. Já se sabe que a Stock Car busca novamente ter mais do que uma marca no grid, além da Chevrolet. Carlos Col, que comanda o campeonato quer tal mudança para o próximo campeonato.

Mas, como a Chevrolet vê a entrada de uma marca concorrente no grid em que ela é soberana? O que poderia ser incômodo, na verdade se tornou até um desejo da montadora norte-americana no Brasil.

Leia também:

Henry Soares, coordenador de marketing e eventos da GM na Stock Car, admitiu que a companhia está junta com a Vicar, que organiza a categoria, na busca de outras marcas para o grid.

“Hoje até faz parte das nossas conversas com a organização”, disse Soares. “É de nosso interesse ter outras marcas na Stock Car, como já foi no passado. Hoje, nós atuamos no Mercosul, e pegamos como exemplo a SuperTC 2000 na Argentina, em que você tem quatro, cinco marcas competindo. Isso torna a disputa saudável e acirrada. Esse é o nosso intuito aqui na Stock Car.”

“Eu já tive a oportunidade de acompanhar algumas corridas na Argentina e ali parece que você está em um estádio de futebol. Eles acabam não só torcendo para um piloto, mas também para a marca, essa é uma outra paixão dos nossos ‘hermanos’ e quem sabe poderemos ter isso um dia no Brasil.”

O próprio Henry admitiu que conversa com representantes rivais em eventos que reúnem seus concorrentes: “A GM é infirmada sobre a situação por meio da Vicar, mas hoje, no meio automobilístico, você pega um exemplo da ANFAVEA, que eu faço parte na área de eventos, nós temos contatos com as outras montadoras, conversamos, explicamos, contamos o que está acontecendo, o que nós fazemos, o que podemos ativar com exposição de marca, para poder também atrair nossos concorrentes.”

Outra novidade que Col prometeu foi uma aproximação do modelo de rua com o carro que estará na pistas e o representante da GM mostra que a novidade pode ser uma boa.

“Isso é muito importante. Cada vez mais buscamos mostrar ao consumidor que o carro dele que está na rua, é o que também está na corrida. O brasileiro, que gosta muito de automobilismo, sente isso ‘poxa, o carro que estou guiando aqui é similar ao que tem na categoria, que está nas pistas hoje’, então isso acaba sendo um atrativo a mais, além de posicionar a marca, você dá um posicionamento para um produto específico.”

Com concorrentes na pista ou não, Henry garantiu que a GM manterá o modelo Cruze nos próximo anos em evidência na categoria: “Hoje, a intenção é de se manter o Cruze, que já está em seu terceiro ano e encaminhá-lo para o quarto ou quinto.”

Próximo artigo
STJD derruba liminar que dava vitória a Thiago Camilo em Goiânia

Artigo anterior

STJD derruba liminar que dava vitória a Thiago Camilo em Goiânia

Próximo artigo

Chefe da Stock Car se diz aberto a conversas com NASCAR

Chefe da Stock Car se diz aberto a conversas com NASCAR
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Stock Car Brasil
Autor Felipe Motta