Stock Car Brasil
13 set
-
15 set
Evento encerrado
18 out
-
20 out
Próximo evento em
1 dia
R
Velo Città 2
08 nov
-
10 nov
Próximo evento em
22 dias
R
Goiânia II
22 nov
-
24 nov
Próximo evento em
36 dias

Em ano “agitado”, Fraga fala de início na dieta: “criei vergonha na cara”

compartilhar
comentários
Em ano “agitado”, Fraga fala de início na dieta: “criei vergonha na cara”
Por:
7 de abr de 2019 11:29

Piloto da Cimed Racing diz que temeu problemas de cansaço durante temporada 2019 e resolver investir pesado em treinamento físico

Campeão da Stock Car em 2016, Felipe Fraga entrou em uma fase mais ‘fit’ em 2019. O tocantinense de 23 anos resolveu treinar pesado no início deste ano pra se preparar para uma maratona de provas nesta temporada. Além das 12 etapas da Stock Car, Fraga ainda fará as 24 Horas de Le Mans, o IMSA e a maior parte das provas do Blancpain.

Prevendo que a maratona o desgastaria, Felipe resolveu malhar para valer para aguentar o tranco dos 25 finais de semana que passará correndo daqui até o fim de 2019.

Leia também:

Em entrevista ao Motorsport.com, ele disse que uma mudança de hábito era o melhor a se fazer.

“Eu criei vergonha na cara mesmo”, disse.

“Tinha que fazer isso, e não tem muito o que falar. Foi sempre uma dificuldade para mim. Minha família tem um histórico de obesidade e para mim sempre foi difícil, mas isso não é desculpa. Agora eu quis, deu certo. Estou me sentindo melhor.”

“Encontrei alguns esportes que eu gosto de fazer e não são maçantes. Encontrei algumas coisas que eu gosto de fazer e ao mesmo tempo me preparo. Pra guiar está muito melhor. Espero que faça diferença.”

Fraga diz que já sentiu a diferença em sua pilotagem psicologicamente.

“Sempre quis tentar me cuidar melhor, mas com muitas viagens eu acabava deixando e postergando as coisas. E esse ano eu vou correr quatro campeonatos, Stock Car, IMSA, Blancpain Endurance, algumas da Sprint e Le Mans também. Então, acho que precisava dar uma melhorada do lado físico.”

“Eu nunca cansei numa corrida. Eu sou novo, então com certeza daqui alguns anos, se não tiver algum preparo, não conseguirei terminar as provas bem como termino hoje em dia.”

“Mas também ajuda a cabeça, porque viajando tanto, se você não se prepara, pode acabar dando tudo errado. Então, estou fazendo isso para viajar o quanto preciso e sempre chegar bem para o próximo evento. E isso está sendo bom demais.”

“Estou gostando, todo mundo está me apoiando muito. Perdi bastante peso, bastante gordura. Andando de Mercedes lá fora eu já senti muita diferença. Não tanto pelo corpo, mas minha mente está mais encaixada, e às vezes posso pensar em outras coisas – não apenas em ser rápido. É como se tivesse uma folga para pilotar. Espero que na Stock Car também faça a diferença.”

Memso prevendo certo cansaço, Fraga diz que está realizando um sonho, e que não terá “mimimi”.

“São 25 ou 26 corridas, mais treino e eventos”, falou.

“Mas estou muito feliz, eu sempre quis fazer isso. Se eu ficar naquele famoso mimimi, de ficar falando que vai ser complicado... eu tenho 23 anos, se eu não aguentar, quando vou aguentar? Então acho que agora é a hora de me preparar e ter esse tanto de viagens. É ruim ficar longe d aminha família e todo mundo que eu gosto.”

“Em junho, julho e agosto eu acho que vou ficar nove ou dez finais de semana seguidos correndo em países diferentes.; Mas é o meu sonho, estou realizando ele. Preferia fazer mais três, do que ficar em casa vendo todo mundo fazer o que sempre quis. Tive a oportunidade neste ano, consegui conquistar um espaço lá na Europa e nos EUA com as corridas que fiz no ano passado. E isso me fez muito bom.”

Próximo artigo
Após batida, Átila Abreu é vetado e não corre no Velopark

Artigo anterior

Após batida, Átila Abreu é vetado e não corre no Velopark

Próximo artigo

Átila Abreu deve ficar de repouso por seis semanas, afirma Dr. Dino Altmann

Átila Abreu deve ficar de repouso por seis semanas, afirma Dr. Dino Altmann
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Stock Car Brasil
Evento Velopark
Autor Gabriel Lima