Stock Car Interlagos

Stock Car: Em "território conhecido", Petecof chega em busca do primeiro bom resultado

Piloto Shell vai disputar terceira etapa na Stock Car no autódromo paulista e espera que experiência ajude na evolução

Gianluca Petecof

Em sua primeira temporada completa na Stock Car, Gianluca Petecof, de 20 anos, chega a um palco conhecido na segunda etapa da temporada 2023: o Autódromo José Carlos Pace, em Interlagos. O paulista apoiado pela Shell V-Power, marca que lhe deu as primeiras grandes chances no automobilismo, vai disputar sua terceira etapa no circuito: em 2022 participou da Corrida de Duplas e da última etapa do campeonato.

Leia também:

É um ótimo palco para se recuperar dos resultados da etapa de Goiânia, que estiveram longe do esperado. A equipe Full Time, comandada pelo engenheiro Maurício Ferreira, não parou de trabalhar um minuto no intervalo de três semanas entre as duas corridas e a expectativa de Gianluca Petecof é que o desempenho em um circuito conhecido como Interlagos seja melhor do que o de Goiânia. Além disso, as novidades do regulamento já estarão mais assimiladas: os pneus Hankook e a nova asa traseira.

Além disso, Petecof também espera que o conhecimento do traçado de Interlagos sirva para acelerar o processo de adaptação e também de encontrar o acerto ideal do carro. A Stock Car terá apenas dois treinos livres: um na tarde de sexta e um na manhã de sábado. A classificação será realizada na sequência. Ou seja: qualquer erro poderá ser decisivo na definição do grid de largada e, por consequência, das expectativas para as duas corridas. Interlagos tem pontos de ultrapassagem, mas largar muito atrás na Stock nunca é um bom negócio.

"É a semana da segunda etapa do campeonato”, disse Petecof. “Interlagos é um dos circuitos mais especiais do ano. É a pista que eu tenho a maior experiência na Stock Car, estou indo para minha terceira etapa lá. Então vai ser diferente também, chegar na pista já com uma bagagem, com a experiência do traçado... Vai ajudar muito a recomeçar bem o trabalho. A gente analisou muita coisa depois de Goiânia, identificamos alguns pontos necessários de trabalho. A equipe não parou desde então. Vamos chegar muito confiantes para buscar o primeiro bom resultado do ano."

A bronca de Hamilton com a Mercedes: como 'cockpit adiantado' atrapalha o heptacampeão na F1 2023

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Stock Car: Nelsinho Piquet compete pela European Le Mans Series e Rafa Martins assume carro #33 em Interlagos
Próximo artigo Stock Car: Zonta busca boa pontuação nas duas corridas em Interlagos

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil