Di Grassi lamenta derrota “difícil de acreditar” em Austin

Piloto via seu Audi #8 liderando a prova até que problema mecânico deu vitória nos EUA a trio da Porsche

Di Grassi lamenta derrota “difícil de acreditar” em Austin
Podium: second place Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis, Audi Sport Team Joest
#8 Audi Sport Team Joest Audi R18 e-tron quattro: Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis
Podium: race winners Timo Bernhard, Mark Webber, Brendon Hartley, Porsche Team, second place Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis, Audi Sport Team Joest, third place Stéphane Sarrazin, Mike Conway, Kamui Kobayashi, Toyota Racing
#8 Audi Sport Team Joest Audi R18 e-tron quattro: Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis
#8 Audi Sport Team Joest Audi R18 e-tron quattro: Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis
#8 Audi Sport Team Joest Audi R18 e-tron quattro: Lucas di Grassi, Loic Duval, Oliver Jarvis
Carregar reprodutor de áudio

Terminando em segundo as 6 Horas de Austin, Lucas di Grassi não ficou satisfeito com sua atuação no Texas após um problema mecânico na metade da prova. O carro #8 da Audi do brasileiro, de Oliver Turvey e Loic Duval sofreu com uma pane elétrica enquanto liderava a corrida.

Em seguida, um problema no sistema de hidratação fez Duval ter de realizar uma parada extra nos boxes. Isso praticamente deu ao trio da Porsche do #1, Webber/Hartley/Bernhard, a vitória nas 6 Horas de Austin.

O #8 ainda voltou para a corrida e chegou a 23 segundos dos vencedores, em segundo lugar. Como não poderia ser diferente, Di Grassi se confessou frustrado com o resultado.

"É difícil de acreditar o que pode dar errado em uma corrida de seis horas", falou o paulistano.

"Sempre existem fatores adicionais como pit stops, sorte de corrida e tantas outras coisas além dos pilotos.”

“Em contraste à nossa prova, a Porsche fez uma corrida perfeita. No final eu estava me defendendo do ataque da Toyota e ao mesmo tempo tentando tirar a diferença para o carro à frente. Essa parte foi bem legal, mas foi também extremamente desgastante no calor", disse.

O chefe da Audi Sport, Wolfgang Ullrich, corroborou as palavras do brasileiro. "Nossos pilotos entregaram um desempenho tremendo e se sentiram bastante confortáveis no Audi R18.”

“Fomos os mais rápidos em todas as sessões e na corrida ninguém virava mais rápido que nós. Os infortúnios nos atingiram com força porque uma dobradinha era possível", afirmou.

compartilhar
comentários
Com Audi 'azarada', Webber vence terceira; di Grassi é 2º
Artigo anterior

Com Audi 'azarada', Webber vence terceira; di Grassi é 2º

Próximo artigo

Webber diz que vitória em Austin foi "a melhor de todas"

Webber diz que vitória em Austin foi "a melhor de todas"