Fórmula 1
R
GP da Austrália
12 mar
-
15 mar
Próximo evento em
43 dias
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
50 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
64 dias
16 abr
-
19 abr
Próximo evento em
78 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
92 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
99 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
113 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
127 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
134 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
148 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
155 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
169 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
183 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
211 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
218 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
232 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
239 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
253 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
267 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
274 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
288 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
302 dias

Após erros, Leclerc admite que mudará abordagem em classificação

compartilhar
comentários
Após erros, Leclerc admite que mudará abordagem em classificação
Por:
Co-autor: Scott Mitchell
6 de jun de 2019 21:19

Piloto da Ferrari diz que está mudando forma como lida com as sessões de classificação, após recentes erros no Q2

Charles Leclerc bateu no Q2 do GP do Azerbaijão em abril e, em seguida, sofreu danos no assoalho no Q2 para o GP da Espanha, que comprometeu seu desempenho no Q3.

Ele ficou pelo caminho no Q1 em Mônaco, devido a um erro de estratégia da Ferrari, mas disse que aprendeu a lição ao entrar para este fim de semana no Canadá.

Leia também:

"Uma abordagem que eu mudei depois de Baku era forçar muito no Q2", disse Leclerc. "Isso foi um erro porque tínhamos um potencial fácil de ir ao Q3 com o carro que tínhamos e bater naquele momento era provavelmente um pouco estúpido.”

"Então, em Barcelona, ​​nós quebramos parte do assoalho, mas forçamos demais. Então, essas são as coisas que eu havia mudado depois disso."

"Comparado ao ano passado, você pode dar tudo do Q1 ao Q3, mas como vimos em Baku, talvez não tenha sido muito importante dar tudo no Q2 porque definitivamente tivemos o potencial de fazer muito melhor no Q3.”

"Mas houve alguns erros do meu lado, e aprendemos com eles, e agora estou ansioso para tentar não repeti-los e espero que os melhores tempos cheguem."

A Ferrari ainda precisa vencer uma prova em 2019, apesar de dominar os testes de pré-temporada.

A equipe chega em Montreal a 118 pontos atrás de Mercedes no campeonato de construtores e com Leclerc apenas em quinto lugar na classificação dos pilotos - a 80 pontos do líder, Lewis Hamilton.

Mas Leclerc insistiu que ainda não era hora de desistir do campeonato.

"Não dou adeus até terminar", disse ele. "Tem sido um começo difícil, eu definitivamente esperava mais, mas não precisamos dar adeus ainda, precisamos pressionar até o fim e é isso que estamos fazendo.”

"Estamos tentando entender nossos erros, e não repeti-los, e partir daí, tenho certeza de que os resultados virão."

Ele também negou que a corrida deste fim de semana será "tudo ou nada" para a Ferrari, dada a sua força habitual em Montreal.

"Eu não vejo dessa maneira, é claro", disse Leclerc. "Não há necessidade de nos colocar sob mais pressão, só precisamos fazer o nosso melhor e maximizar o que temos."

Próximo artigo
Vettel diz que rumores sobre aposentadoria "foram inventados"

Artigo anterior

Vettel diz que rumores sobre aposentadoria "foram inventados"

Próximo artigo

Gasly define especulações sobre futuro na Red Bull como "besteiras"

Gasly define especulações sobre futuro na Red Bull como "besteiras"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Pilotos Charles Leclerc
Equipes Ferrari Compre Agora
Autor Matt Beer