Fórmula 1
R
GP da Austrália
12 mar
-
15 mar
Próximo evento em
52 dias
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
59 dias
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
73 dias
16 abr
-
19 abr
Próximo evento em
87 dias
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
101 dias
07 mai
-
10 mai
Próximo evento em
108 dias
21 mai
-
24 mai
Próximo evento em
122 dias
R
GP do Azerbaijão
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
136 dias
11 jun
-
14 jun
Próximo evento em
143 dias
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
157 dias
R
GP da Áustria
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
164 dias
R
GP da Grã-Bretanha
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
178 dias
30 jul
-
02 ago
Próximo evento em
192 dias
R
GP da Bélgica
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
220 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
227 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
241 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
248 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
262 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
276 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
283 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
297 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
311 dias

Bottas insiste que não é escudeiro de Hamilton

compartilhar
comentários
Bottas insiste que não é escudeiro de Hamilton
Por:
26 de jul de 2018 15:54

Piloto finlandês diz que não foram estabelecidas posições de primeiro e segundo piloto dentro da Mercedes

Valtteri Bottas, Mercedes AMG F1 W09
Podium: Race winner Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1, second place Valtteri Bottas, Mercedes AMG F1
Valtteri Bottas, Mercedes AMG F1 W09, leads Kimi Raikkonen, Ferrari SF71H
Valtteri Bottas, Mercedes AMG F1 W09
Race winner Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 W09 and Valtteri Bottas, Mercedes-AMG F1 W09 celebrate at the end of the race
Valtteri Bottas, Mercedes-AMG F1 W09

Valtteri Bottas insiste que ainda não foi escalado pela Mercedes para desempenhar um papel de apoio a Lewis Hamilton nesta temporada, apesar de ter recebido uma ordem de equipe para manter a posição na fase final do GP da Alemanha.

O finlandês chegou a ameaçar seu companheiro de equipe pela liderança após a relargada depois do Safety Car em Hockenheim na semana passada, mas foi impedido de atacar Hamilton pela Mercedes.

Falando antes do GP da Hungria, Bottas disse que não houve mudança de política na equipe e que ele permanece livre para lutar por vitórias.

"Eu acredito que ainda estamos autorizados a competir livres”, explicou ele. "Obviamente, sempre acontece caso a caso, mas não há nenhum plano no momento para eu estar em um papel de suporte”.

"Ainda estamos em igualdade de condições e esse é o plano por enquanto. Esperamos que continue assim até o final do ano.”

"O que aconteceu, com todas as corridas difíceis que tivemos na rodada tripla, é que perdemos muitos pontos por diferentes causas, então eu meio que entendo a decisão do time.”

"Estávamos lado a lado e eles queriam conseguir esses pontos. Estou confiante de que eles teriam feito o mesmo se eu estivesse na liderança naquele momento."

Bottas também explicou que nunca recebeu nenhuma instrução sobre deixar Hamilton escapar, após o britânico ter sido pressionado por sua equipe a dar o máximo até a bandeirada no caso de ele receber uma penalidade por atravessar a entrada dos boxes.

"Eu não estava ciente de sua situação de pitstop, que ele teve que passar por cima da linha", disse Bottas.

Próximo artigo
Haas e Sauber têm novo motor Ferrari à disposição na Hungria

Artigo anterior

Haas e Sauber têm novo motor Ferrari à disposição na Hungria

Próximo artigo

Villeneuve: GP da Alemanha pode fazer Hamilton imbatível

Villeneuve: GP da Alemanha pode fazer Hamilton imbatível
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Valtteri Bottas Compre Agora
Equipes Mercedes Compre Agora
Autor Jonathan Noble