Direção de prova da F1 explica multa a Hamilton por soltar cinto em Interlagos

Heptacampeão foi investigado pelos comissários no GP de São Paulo por ter comemorado vitória sem estar 'preso' ao carro

Direção de prova da F1 explica multa a Hamilton por soltar cinto em Interlagos

O diretor de provas de Fórmula 1, Michael Masi, disse que a multa aplicada a Lewis Hamilton no GP de São Paulo por ter soltado os cintos não tem o objetivo de impedir os pilotos de comemorar vitórias nas corridas. O britânico foi denunciado aos comissários por ter feito isso após a bandeira, e após uma investigação, foi multado em € 5 mil euros (cerca de R$ 31 mil reais), com mais € 20 mil (cerca de R$ 124 mil) suspensos até o final de 2022.

Em seu julgamento, a organização observou que "simpatizava com o desejo de comemorar", mas acrescentaram que é "é fundamentalmente inseguro desfazer os cintos de segurança enquanto o carro está em movimento. As velocidades baixas nesses carros são muito rápidas para um ocupante sem restrições. Além disso, os pilotos de F1 dão o exemplo para as categorias juniores. É fundamental que os jovens aprendam a importância de usar todos os dispositivos."

Leia também:

Masi enfatizou que a FIA não quer impedir os pilotos de comemorar afrouxando os cintos para que possam subir no cockpit enquanto acenam, mas estabelece um limite para desfazê-los completamente, caso de Hamilton.

"Obviamente, todo mundo conhece essa regra, ela já foi discutida antes há cerca de 18 meses, suponho" disse o diretor ao Motorsport.com. "Estou bem ciente de que foi debatido no tempo de Charlie [Whiting], os pilotos foram lembrados de que não há problema em afrouxar os cintos nas voltas de relaxamento, mas eles precisam permanecer totalmente presos."

"É um item de segurança. Acho que os comissários deixaram bem claro em sua decisão, que não se trata de interromper as comemorações de forma alguma, mas também é enviar uma mensagem que esse tipo de comportamento não é aceitável."

Masi observou que, ao aplicar a multa, em vez de conceder uma reprimenda ou advertência, os comissários não estabeleceram um precedente a partir do qual trabalhar.

Mark Webber, Red Bull RB9 Renault tours minus his helmet after completing his last race in F1

Mark Webber, Red Bull RB9 Renault tours minus his helmet after completing his last race in F1

Photo by: Andy Hone / Motorsport Images

F1 2021: O que a Red Bull PRECISA fazer no Catar? Hamilton FAVORITO? | TELEMETRIA

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #146: Hamilton teve a maior exibição da carreira no Brasil?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1 - Brawn exalta desempenho de Hamilton em Interlagos: "Discípulo de Senna"
Artigo anterior

F1 - Brawn exalta desempenho de Hamilton em Interlagos: "Discípulo de Senna"

Próximo artigo

F1: Disputa de Verstappen contra Hamilton na 48ª volta do GP de São Paulo será investigada nesta quinta-feira

F1: Disputa de Verstappen contra Hamilton na 48ª volta do GP de São Paulo será investigada nesta quinta-feira
Carregar comentários