F1: Alonso apoia ideia de terceira corrida norte-americana

Categoria investiga outras oportunidades nos Estados Unidos, com Las Vegas e Indianápolis mencionadas como as opções mais prováveis

F1: Alonso apoia ideia de terceira corrida norte-americana

Fernando Alonso disse que daria as boas-vindas a um terceiro GP de Fórmula 1 nos Estados Unidos, que se juntaria a Austin e Miami no calendário nas próximas temporadas.

A Liberty Media fez um grande esforço para expandir a presença do esporte na América do Norte desde que entrou a bordo em 2017.

Leia também:

Após o sucesso da série da Netflix Drive to Survive, os novos proprietários fecharam um acordo para trazer a F1 para Miami em maio de 2022, que garantiu uma vaga em um calendário de 23 corridas que também inclui o GP dos Estados Unidos de Austin em outubro.

No entanto, a Liberty está investigando outras oportunidades americanas, com Las Vegas e Indianápolis mencionadas como as duas opções mais prováveis para uma terceira etapa no país norte-americano.

Alonso, que estava em Miami na terça-feira para abrir uma loja Kimoa/Simply EV, falou sobre o assunto.

“Acho que sim, não vejo problema nisso”, disse Alonso ao Motorsport.com em Miami. “Os EUA são provavelmente o maior alvo da F1 no momento, com Liberty no comando do esporte."

“Há rumores de que isso poderia acontecer em lugares diferentes, Las Vegas ou Indianápolis ou qualquer outro lugar, então vamos ver um passo de cada vez. Mas vamos fazer um bom GP em Miami no ano que vem primeiro."

“Estou muito, muito entusiasmado por vir aqui, vai ser uma das melhores corridas do próximo ano. É um novo evento, uma nova cidade, acho que muitas pessoas na comunidade da F1 vão descobrir Miami pela primeira vez."

Otmar Szafnauer, Team Principal and CEO, Aston Martin F1, is interviewed

Otmar Szafnauer, Team Principal and CEO, Aston Martin F1, is interviewed

Photo by: Glenn Dunbar / Motorsport Images

 

Szafnauer: "O público da F1 nos Estados Unidos pode crescer significativamente"

O chefe da Aston Martin, Otmar Szafnauer, concorda que a F1 está certa em buscar uma terceira corrida americana em seu calendário cada vez maior, pois ele acredita que o mercado dos EUA ainda tem muito espaço para crescimento.

“Se adicionarmos um terceiro GP lá, acho que o mercado norte-americano é grande o suficiente para não estar em seu ponto de saturação, essa é a minha opinião”, disse.

“Sabendo que a NASCAR tem cerca de 40 corridas, todo mundo ainda gosta de NASCAR. Somos um esporte verdadeiramente global, mas acho que ter três GPs em um país como a América é muito viável. Haverá demanda, eu acredito.”

Parte do raciocínio de Szafnauer é que Drive to Survive colocou a F1 na frente de um novo público e demonstra que o esporte tem a quantidade certa de histórias e entretenimento para atrair novos fãs.

“Sou fã da F1 desde o início dos anos 80, quando morava perto de Detroit [que sediou um GP entre 1982 e 1988]", explicou ele. "Acho que com mais corridas no fuso horário americano, assim como a Netflix, por ser tão popular, Drive To Survive levou a um público mais amplo e diversificado do que apenas os fãs de automobilismo."

“Acho que nosso produto é tão divertido e atraente, uma vez que você começa a sentir o sabor e a entendê-lo, acho que o público da F1 nos Estados Unidos pode crescer significativamente. Por experiência própria, se uma casa assiste F1, digamos que o pai gosta, as crianças começam a gostar, e isso cresce geometricamente."

“Se conseguirmos esse impulso, acho que o crescimento pode acontecer muito rapidamente. Temos Miami agora, então outra corrida na América e nesse fuso horário. Você nunca sabe se vamos ter mais no futuro”, concluiu. 

BASTIDORES DA F1: Produtora da Band, JU CERASOLI fala sobre cobertura do canal e conta seus 'CAUSOS'

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #138 – Red Bull não sabe o que fazer contra Mercedes após GP da Turquia?

 

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1 faz parceria com NBA e divulga pinturas do carro de 2022 inspiradas nos times da liga
Artigo anterior

F1 faz parceria com NBA e divulga pinturas do carro de 2022 inspiradas nos times da liga

Próximo artigo

F1: Em entrevista exclusiva, Emerson Fittipaldi elogia Verstappen e diz que calendário com 23 GPs é "loucura"

F1: Em entrevista exclusiva, Emerson Fittipaldi elogia Verstappen e diz que calendário com 23 GPs é "loucura"
Carregar comentários