F1 apresentará seis novos gráficos em 2021

A partir do GP da Emilia Romagna, haverá um gráfico que mostrará diferentes estilos de frenagem de cada piloto ao longo de uma volta

F1 apresentará seis novos gráficos em 2021

A Fórmula 1 planeja lançar seis novos gráficos ao longo de 2021 em uma tentativa de trazer mais informações aos fãs.

Como parte de uma parceria com a plataforma Amazon Web Services, a F1 lançou uma série de estatísticas e gráficos nos últimos anos, mas sua presença dividiu a opinião entre os torcedores da categoria.

Leia também:

Enquanto alguns gostaram dos detalhes adicionados, outros zombaram de sua precisão ou da maneira como eles desviam a ação da pista ao vivo.

As últimas adições significam que haverá um total de 18 gráficos até o final desta temporada.

A partir do GP da Emilia Romagna deste fim de semana, haverá um novo gráfico de 'Desempenho de Frenagem', que mostrará os diferentes estilos de frenagem de cada piloto ao longo de uma volta.

Os dados examinarão o quão tarde cada piloto está freando e como sua velocidade de vértice varia conforme eles lidam com as curvas.

Outros cinco gráficos estão no planejamento. 

* Exploração dos carros: a partir do GP do Canadá, o gráfico mostrará quando os pilotos estão levando suas máquinas aos limites de desempenho de aderência, frenagem, aceleração e curvas durante uma corrida.

* Uso de energia: a partir do GP da Inglaterra, vai explorar quando os pilotos estão usando a energia da bateria e quanto eles ainda têm de reserva.

* Análise inicial: a partir do GP da Itália, irá comparar as fugas de cada piloto.

* Desempenho Pitlane: a partir do GP do Japão, vai olhar para o tempo perdido ou ganho no pit stop fora dos momentos em que o carro está parado.

* Ameaça de minar: a partir do GP da Austrália, analisará os benefícios potenciais que um piloto poderia ter ao fazer uma parada precoce para minar um rival à sua frente.

Os gráficos da AWS usam ferramentas de aprendizado de máquina e IA (Inteligência Artificial) para interpretar e analisar dados produzidos a partir de 300 sensores que funcionam em cada carro de F1.

O diretor de sistemas de dados da F1, Rob Smedley, acredita que os novos gráficos ajudariam os fãs a se envolverem mais nos detalhes do esporte.

"Com este novo conjunto de estatísticas de corrida para 2021, estamos indo mais fundo do que nunca", disse.

"Novas percepções, como desempenho de frenagem e ameaça de redução, recuperam camadas adicionais de estratégias e desempenho de corrida e usam visualizações avançadas para tornar o esporte ainda mais compreensível e emocionante", concluiu. 

F1 2021: A verdade sobre motor Honda e tudo sobre o GP em Ímola com Rico Penteado | TELEMETRIA

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST – Quais são os pilotos mais carismáticos da F1, mas sem grandes resultados?

 

compartilhar
comentários
F1: Russell rejeita rumor de rixa com Hamilton surgida após GP de Sakhir

Artigo anterior

F1: Russell rejeita rumor de rixa com Hamilton surgida após GP de Sakhir

Próximo artigo

F1: Bottas não acredita que Mercedes terá performances dominantes em 2021

F1: Bottas não acredita que Mercedes terá performances dominantes em 2021
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Jonathan Noble