Fórmula 1 GP do Japão

F1: Equipes admitem que ignoraram "brecha" de regulamento em Suzuka

Confusão sobre quantidade de pontos atribuída no GP do Japão causou confusão quando se descobriu título de Max Verstappen

Max Verstappen, Red Bull Racing RB18, battles with Charles Leclerc, Ferrari F1-75, ahead of Carlos Sainz, Ferrari F1-75, Esteban Ocon, Alpine A522, Lewis Hamilton, Mercedes W13, the rest of the field at the start

As equipes de Fórmula 1 admitiram que ignoraram o cenário do livro de regras que concede pontos completos a corridas encurtadas.

O GP do Japão terminou de maneira confusa, se Max Verstappen havia feito ou não o suficiente para vencer o mundial, depois que a corrida de Suzuka só teve pouco mais da metade da distância.

Leia também:

Várias equipes tiveram a impressão de que os regulamentos que mudaram após o fiasco do ano passado no GP da Bélgica, deixaria Verstappen a um ponto de garantir a coroa de 2022.

No entanto, a interpretação do texto do regulamento da FIA significava que, com a corrida indo até o limite de tempo máximo, em vez de ser interrompida, todos os pontos seriam distribuídos.

Isso significava que, quando Charles Leclerc recebeu uma punição de cinco segundos por ganhar vantagem cortando a chicane, caindo para o terceiro lugar, Verstappen foi coroado campeão.

O diretor esportivo da Alpine, Alan Permane, que trabalhou com outras equipes e a FIA para finalizar as regras para 2022, disse que o objetivo do regulamento é garantir que os pilotos não recebam pontos completos por terem completado apenas algumas voltas.

Perguntado se ficou surpreendido com o fato de a FIA no Japão ter dado pontos completos, ele disse: "Sim. Porque tenho de dizer que trabalhamos com outros por esse regulamento e sabemos o que ele pretende fazer. Mas claramente como o aplicaram, é claramente o que ele diz."

Max Verstappen, Red Bull Racing RB18, Charles Leclerc, Ferrari F1-75, Sergio Perez, Red Bull Racing RB18, Esteban Ocon, Alpine A522, Lewis Hamilton, Mercedes W13

Max Verstappen, Red Bull Racing RB18, Charles Leclerc, Ferrari F1-75, Sergio Perez, Red Bull Racing RB18, Esteban Ocon, Alpine A522, Lewis Hamilton, Mercedes W13

Photo by: Sam Bloxham / Motorsport Images

Permane disse que as equipes responderam à corrida em Spa no ano passado para garantir que os pontos distribuídos refletissem quanto tempo as corridas duravam.

"Foi feito depois de Spa porque a corrida não pôde ser retomada e tinha feito apenas algumas voltas", disse ele. "Acho que talvez tenhamos levado isso literalmente demais. Então talvez precisemos corrigir.

"O que eles fizeram está correto para a forma como os regulamentos estão escritos, mas não tenho certeza se está correto para a forma como eles se destinam."

O chefe da McLaren, Andreas Seidl, disse que as equipes têm que assumir a culpa por não serem mais claras na redação do regulamento de que pontos limitados são dados para corridas atrasadas e que não podem percorrer toda a distância.

"Sinto-me responsável por isso, porque fazemos essa revisão todo inverno e cada equipe tem a oportunidade de trazer pontos que não estão claros", disse ele.

"Ainda não entrei em detalhes com a equipe, sobre qual era exatamente a brecha. Mas digamos que tudo o que definimos junto com a FIA e a F1 depois de Spa só é válido se a corrida não terminar normalmente, claramente algo que todos nós negligenciamos.

"Todos nós somos responsáveis ​​neste inverno por acabar com as brechas, se houver alguma, ou interpretações diferentes."

BICAMPEÃO! E vem mais por aí? Rico Penteado analisa se haverá ‘ERA VERSTAPPEN’ na F1 até 2025

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura durante nossos programas. Não perca!

Podcast Motorsport.com debate se GPs de rua têm de ser revistas na F1 após Singapura

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior VÍDEO: Disputa emocionante entre Vettel e Alonso na linha de chegada do GP do Japão
Próximo artigo F1: Verstappen classifica conquista do bicampeonato como "ainda mais mágica"

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil