F1: FIA absolve Aston Martin após investigação sobre 'cópia' da Red Bull

"Red Bull verde" do time de Silverstone deu o que falar nesta sexta-feira

Carregar reprodutor de áudio

A Aston Martin chegou a Barcelona dando o que falar. O pacote de atualizações para o AMR22, que incluem novas especificações de sidepod, assoalho, halo e asa traseira tornaram o carro muito parecido com o da Red Bull, recebendo inclusive o apelido de "Red Bull verde". E após uma investigação da FIA sobre uma possível cópia de projeto, o time britânico foi absolvido.

Não seria a primeira vez que o time de Silverstone chama a atenção pelas similaridades entre seu carro e outro design na Fórmula 1. Em 2020, ainda como Racing Point, recebeu o apelido de "Mercedes rosa", por copiar o modelo de 2019 do time alemão.

Leia também:

Isso forçou a FIA a endurecer as normas sobre designs baseados em engenharia reversa, e revelou na sexta em Barcelona que não havia estudado as atualizações do carro da Aston Martin.

A Federação anunciou que durante uma "checagem de rotina pré-evento", foi notado o seguinte sobre as atualizações da Aston Martin: "Ficou aparente que vários pontos da Aston Martin lembram os de outro competidor".

Isso levou a uma investigação para ver se o carro cumpria com o Artigo 17.3 do regulamento técnico, relacionado à engenharia reversa e "potencial transferência ilícita de propriedade intelectual".

Ao longo da investigação, a FIA entendeu que a Aston Martin havia cumprido com o regulamento ao longo de seu processo, tornando as atualizações legais.

Aston Martin AMR22 rear detail

Aston Martin AMR22 rear detail

Photo by: Giorgio Piola

"A investigação, que envolve checagens de projetos virtuais e uma análise detalhada do processo de desenvolvimento adotado pela Aston Martin, confirmou que não foram tomadas decisões proibidas e, portanto, a FIA considera que as atualizações aerodinâmicas da Aston Martin cumprem com o regulamento".

"O Artigo 17.3 define e proíbe a "engenharia reversa", ou o processo digital de conversão de fotografias (ou outros tipos de dados) em modelos virtuais, e proíbe transferência de propriedade intelectual entre equipes mas, igualmente, este artigo permite que designs de carros sejam influenciados pelos competidores, como sempre aconteceu na Fórmula 1".

"Nesta análise realizada, confirmamos que os processos seguidos pela Aston Martin eram consistentes com o exigido pelo artigo".

Um porta-voz da Aston Martin disse: "Compartilhamos detalhes de nossas atualizações com a direção técnica da FIA. Tendo analisados os dados e processos usados em sua criação, a FIA confirmou por escrito que nossa atualização foi resultado de um trabalho legitimamente independente, cumprindo com o regulamento técnico".

TELEMETRIA: Rico Penteado aponta favoritos para o GP da Espanha de F1

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST #178: Será o fim da linha para Vettel e Alonso na F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Leclerc lidera dobradinha da Ferrari no primeiro treino livre para o GP da Espanha
Artigo anterior

F1: Leclerc lidera dobradinha da Ferrari no primeiro treino livre para o GP da Espanha

Próximo artigo

F1: Entenda atualizações da Aston Martin que criaram "Red Bull verde"

F1: Entenda atualizações da Aston Martin que criaram "Red Bull verde"