F1: ‘Final’ entre Massa X Hamilton completa 13 anos; Glock não é esquecido

Corrida que fez Massa campeão mundial por 38 segundos completa mais um aniversário e Timo Glock vai parar nos TTs

F1: ‘Final’ entre Massa X Hamilton completa 13 anos; Glock não é esquecido
Carregar reprodutor de áudio

O 2 de novembro de 2008 jamais sairá do imaginário brasileiro. O GP do Brasil daquele ano também decidia o título do campeonato. Lewis Hamilton, apenas em seu segundo ano na Fórmula 1, chegava a Interlagos com sete pontos de vantagem sobre Felipe Massa, o que significava que um quinto lugar o colocaria pela primeira vez como campeão.

Leia também:

Massa, que foi o pole position e dominou a corrida, fez o que era necessário, venceu e torceu para que o então jovem inglês não conseguisse o resultado necessário.

E quase deu. Enquanto Massa cruzava a linha de chegada na frente, Hamilton se aproveitava dos pneus slick de Timo Glock no começo de uma chuva que assolava o autódromo paulistano e conseguia a posição que lhe dava o título.

As imagens captadas das comemorações dos boxes de Ferrari e McLaren impressionam até hoje, bem como o papel do piloto alemão no imaginário do fã brasileiro. Por boa parte deste 2 de novembro, a palavra ‘Glock’ esteve nos trending topics no Twitter, também motivado pela lembrança do perfil oficial da McLaren na rede social e o famoso "Is that Glock?!".

 

Esta também foi a ocasião em que o Brasil esteve mais perto de um título da F1 após a era Senna. O País teve sua última vitória na categoria máxima do automobilismo no ano seguinte, com Rubens Barrichello em 2009 na Itália e não tem um representante em tempo integral desde a saída do próprio Massa ao final de 2017.

Massa recorda decisão de campeonato de 2008

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #141 – É o fim da linha para Mercedes e Hamilton após GP dos EUA?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

compartilhar
comentários
Porsche vê condições de entrada na F1 se “tornando reais”
Artigo anterior

Porsche vê condições de entrada na F1 se “tornando reais”

Próximo artigo

F1: Novos fabricantes não deveriam ter passe livre para vencer, diz Wolff

F1: Novos fabricantes não deveriam ter passe livre para vencer, diz Wolff