F1 - Hamilton joga a toalha e diz que vitória está fora de questão: "Será fácil para Verstappen"

Heptacampeão estava visivelmente decepcionado com os resultados após o final da classificação

F1 - Hamilton joga a toalha e diz que vitória está fora de questão: "Será fácil para Verstappen"

Apesar de uma sexta boa, terminando como o mais rápido do dia, o sábado foi muito diferente para Lewis Hamilton. Mesmo com um bom começo de Q3, o heptacampeão não conseguiu melhorar sua volta na segunda saída, foi superado por Lando Norris e Sergio Pérez e, com isso, larga apenas em quarto no GP da Áustria de Fórmula 1 neste domingo.

Hamilton, que teve sua renovação de contrato com a Mercedes por mais dois anos anunciada neste sábado (03), parecia decepcionado quando parou o carro no parque fechado, após o fim da classificação.

Leia também:

Questionado sobre a presença de Norris e de Pérez entre ele e Verstappen, Hamilton acredita que o GP de amanhã será "ainda mais desafiador" que o da semana passada.

"Sim. Será ainda mais desafiador do que já foi na semana passada, e seguimos devendo em ritmo. Tentei de tudo para tirar o máximo do carro. É apenas essa falta de ritmo que temos no momento".

"Então precisamos encontrar a performance nas próximas corridas. Não sei se a McLaren trouxe uma atualização, mas eles foram super rápidos hoje, então um ótimo trabalho de Lando. Precisamos buscar melhorar".

Questionado sobre onde a Mercedes perdeu velocidade comparado a McLaren e a Red Bull, disse: "Quando eu olho para a volta e Max, é a volta toda. Sim, um pouco de tudo".

Hamilton ainda joga a toalha para o domingo, afirmando que a vitória "está fora de questão".

"Diria que sim. Em termos de ritmo puro, [a vitória] está fora de questão. Esse pessoal tem dois carros na frente, e estão três décimos mais rápidos que nós. Acho que conseguiram melhorar ainda mais neste fim de semana".

"Acredito que será uma vitória fácil para Max. Acho que, para nós, precisamos ver se é possível passar pelo menos Pérez, para controlar os danos do fim de semana".

Questionado ainda sobre o futuro com a Mercedes, Hamilton destacou que ainda há muito que fazer com a equipe.

"É a minha família. Estou com a Mercedes desde que tinha 13. É fácil continuar, e estou muito feliz pelo apoio, como mencionei nas redes sociais. Sigo adorando trabalhar com todos. Há muito que podemos fazer juntos, dentro e fora da pista".-

O heptacampeão chega à nona etapa do Mundial 18 pontos atrás de Max Verstappen, que sai na pole após uma vitória dominante no último final de semana na mesma pista. Uma esperança de Hamilton é que a próxima etapa, o GP da Grã-Bretanha, em Silverstone, seja um palco melhor para a Mercedes, para que possa reduzir a vantagem da Red Bull.

Em Silverstone, a Mercedes terá ainda a introdução do último pacote de atualizações do ano para o W12, já que o foco passa a ser o desenvolvimento do modelo de 2022.

Q4 AO VIVO: Tudo sobre a classificação para o GP da Áustria de F1

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #116 - TELEMETRIA: Quais as esperanças de Hamilton na Áustria? Rico Penteado responde

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Segundo colocado, Norris diz que fez uma das melhores voltas da vida

Artigo anterior

F1: Segundo colocado, Norris diz que fez uma das melhores voltas da vida

Próximo artigo

F1: Pérez comenta fim de semana "difícil" e se diz satisfeito com terceiro lugar

F1: Pérez comenta fim de semana "difícil" e se diz satisfeito com terceiro lugar
Carregar comentários