F1: Horner sugere vínculo mais próximo entre Mercedes e Williams

Chefe da Red Bull vê chegada de James Vowles como uma nova fase no relacionamento entre as duas equipes

O chefe da Red Bull, Christian Horner, deu a entender que poderia haver uma relação mais próxima entre as equipes de Fórmula 1 da Mercedes e da Williams após a mudança de James Vowles.

O ex-diretor de estratégia da Mercedes foi anunciado no mês passado como o novo chefe de equipe da Williams e sua nomeação recebeu a ‘bênção’ de Toto Wolff, que admitiu que estava preparando Vowles como um sucessor em potencial.

Leia também:

A notícia gerou especulações de que as equipes poderiam trabalhar juntas de agora em diante, devido ao longo relacionamento de Vowles com a Mercedes.

Questionado sobre a Williams como uma potencial ‘equipe B’ da Mercedes, Horner admitiu que seria "interessante" ver se eles compartilham as mesmas opiniões no futuro.

"No que diz respeito a James Vowles, obviamente, não o conheço muito bem, mas ele é obviamente um cara muito capaz", disse Horner.

"A Williams tem suas próprias ambições. Mas será obviamente interessante ver se há um alinhamento mais próximo entre essas duas equipes nas próximas reuniões da Comissão de F1 e outras interações com o detentor dos direitos comerciais e reguladores."

Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing

Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing

Photo by: Erik Junius

Isso deixa a Red Bull com a estrutura de liderança mais estável das três principais equipes em 2023, mas Horner enfatizou que a falta de mudanças foi positiva.

"Sempre acreditei muito na estabilidade", disse ele. "E acho que na Red Bull desfrutamos de uma estabilidade tremenda. A equipe está feliz com o ambiente que temos, a cultura que temos e a maneira como cuidamos de qualquer funcionário que seja membro do grupo, e eu acho que isso faz parte da nossa cultura.

"E acho que a estabilidade permite que as pessoas saibam exatamente quais são seus papéis e tenham confiança e responsabilidade, bem como responsabilidade."

O próprio Horner foi vinculado a uma mudança para a Ferrari como substituto de Binotto, mas minimizou qualquer sugestão de que tenha ambições fora de sua equipe atual.

"Estou na Red Bull desde o início de 2005. Sinto uma responsabilidade e uma conexão com a equipe", disse ele.

Como NASCE um carro da F1? RICO PENTEADO explica e revela detalhes sobre TÚNEL DE VENTO e CFD; veja

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #215 - Novo chefe da Ferrari erra ou acerta nos primeiros atos?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior VÍDEO: 'Sumiço' de CEO da F1 salva evento da Red Bull com carro 'igual'
Próximo artigo F1 | Red Bull-Ford: o lado comercial foi acertado, mas e o técnico?

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil