F1: Marko diz que pedido da Mercedes por ajuda da FIA com porpoising "saiu pela culatra"

Consultor da Red Bull acredita que não é papel da Federação se envolver em um problema que afeta apenas uma equipe

F1: Marko diz que pedido da Mercedes por ajuda da FIA com porpoising "saiu pela culatra"
Carregar reprodutor de áudio

Para o consultor da Red Bull, Helmut Marko, o lobby feito pela Mercedes junto à FIA para ajudar a curar seus problemas com o porpoising no carro de 2022 na Fórmula 1 acabou "saindo pela culatra", discordando ainda da ação da Federação para mexer nas regras no meio da temporada.

Após o GP do Azerbaijão, diversos pilotos, principalmente a dupla da Mercedes, George Russell e Lewis Hamilton, pediram uma intervenção da FIA ao regulamento quanto ao porpoising sob alegação de segurança dos pilotos.

Leia também:

A FIA se movimentou antes do GP do Canadá, lançando uma diretiva técnica revelando planos de impor uma métrica de oscilação vertical que forçaria as equipes a limitarem as quicadas nos carros, sob o risco de terem que aumentar a altura do assoalho em relação ao chão, o que compromete a performance.

Além disso, o documento permitia às equipes tomarem medidas extras para reforçarem seus assoalhos, como a adição de uma segunda haste metálica de sustentação, o que a Mercedes prontamente fez.

Mas a ação da FIA não caiu bem entre as equipes, por não seguir os procedimentos corretos, em termos de mudanças no regulamento, enquanto o limite de quicadas planejado para mais tarde no ano pode até prejudicar a Mercedes.

É por isso que Marko, cuja Red Bull não vê necessidade de envolvimento da FIA no caso, acha que a Mercedes pode se prejudicar com o caso. Falando com o Motorsport.com, o consultor disse que a ameaça da FIA em forçar as equipes que sofrem mais com o porpoising a levantarem os carros pode ser um grande tiro para a rival.

E é por isso que ele sugere que os esforços da Mercedes para ter o envolvimento da FIA gerou o resultado oposto do que o esperado pela montadora: "Exatamente", disse. "Na língua alemã, temos um ditado: 'Der Schuss ging nach hinten los'. Então basicamente é um tiro que saiu pela culatra para a Mercedes".

Helmut Marko, Consultant, Red Bull Racing, with Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing

Helmut Marko, Consultant, Red Bull Racing, with Christian Horner, Team Principal, Red Bull Racing

Photo by: Patrick Vinet / Motorsport Images

Para Marko, a FIA deveria ficar de fora de todo o debate sobre porpoising, já que nem todas as equipes sofrem o fenômeno no mesmo grau.

"Concordo totalmente com Max [Verstappen]: não é correto mudar a regra no meio da temporada. Não pode ser a FIA a determinar os ajustes. Mudar a altura do carro significa mudar o ajuste, e a FIA não pode fazer isso. Meu próximo ponto é que tudo isso é o resultado de uma única equipe ter problemas".

"Essa equipe deveria resolver seus próprios problemas, sem afetar outras equipes".

Enquanto a primeira diretiva não deve impactar a Red Bull, há a chance de uma nova direção ser tomada nesta semana, com a FIA se reunindo com os diretores técnicos das equipes. Marko disse que é preciso mais detalhes da Federação para entender o quanto eles planejam se envolver.

"Acho que há muitos parâmetros que não estão claros ainda. Então acho que a FIA precisa produzir mais uma clarificação".

BASTIDORES no Canadá tiveram XILIQUE “TEATRAL”, ACUSAÇÕES e polícia com CÃES FAREJADORES na RBR

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #183 - O que Alonso poderia fazer hoje em carro de ponta da F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
Com estreia de Vegas, volta do Catar e dúvidas sobre China e África do Sul, veja como se configura o calendário da F1 2023
Artigo anterior

Com estreia de Vegas, volta do Catar e dúvidas sobre China e África do Sul, veja como se configura o calendário da F1 2023

Próximo artigo

F1: Instalada para Leclerc, nova asa traseira dá velocidade à Ferrari no Canadá

F1: Instalada para Leclerc, nova asa traseira dá velocidade à Ferrari no Canadá