Últimas notícias

F1: Mercedes e McLaren apresentarão carros de 2024 no mesmo dia

Depois da ‘tabelinha’ Sauber e Williams, Mercedes e McLaren usarão do mesmo expediente

Mercedes W13 under cover

Mercedes W13 under cover

Mercedes AMG

O dia 14 de fevereiro, Dia de São Valentim, data em que muitos países utilizam como Dia dos Namorados, foi escolhido por Mercedes e McLaren para apresentar seus respectivos carros para a temporada de Fórmula 1 de 2024, segundo a edição italiana do Motorsport.com.

Leia também:

As duas equipes sediadas na Inglaterra, em Brackley e Woking, respetivamente, vão revelar os seus carros no mesmo dia, o que é uma escolha discutível por questões de visibilidade, já que uma irá inevitavelmente ofuscar a outra, mas Sauber e Williams anunciaram a mesma data para fazer o mesmo fim.

Serão dois carros muito importantes, mas por motivos diferentes. A Mercedes, depois de dois anos perseguindo a ideia – posteriormente convertida em utopia – dos zeropods, quer retornar à luta por vitórias e títulos.

Os pilotos permanecerão os mesmos: Lewis Hamilton, recentemente renovado com a Mercedes, e George Russell, autor de um 2023 difícil que o viu terminar muito atrás de seu companheiro de equipe na classificação.

É importante lembrar que nas últimas temporadas a Mercedes aproveitou o dia de apresentação para levar seu carro diretamente para a pista. Sempre fez isso em Silverstone, aproveitando os 100 quilômetros do dia de filmagem.

A McLaren, por outro lado, recorre frequentemente a apresentações no McLaren Technology Center em Woking. Depois, o carro vai para a pista diretamente para os testes, que novamente este ano acontecerão em Sakhir (Bahrein), no mesmo circuito onde terá início o Mundial de 2024.

A equipe comandada por Andrea Stella será uma das mais esperadas da próxima temporada após a reação no segundo semestre de 2023. Após as férias de verão, a McLaren foi a segunda equipe que somou mais pontos, mas terminou a temporada na quarta posição devido a um início ruim.

A expectativa é que o novo carro retorne à ordem das siglas usadas antes de 2023, quando o MCL60 foi usado para comemorar os 60 anos da equipe. Isso significa que a sigla poderá seguir a ordem utilizada até 2022 e ser MCL37.

Por outro lado, é certo que os dois pilotos serão Lando Norris e Oscar Piastri, australiano que mostrou coisas muito interessantes em seu primeiro ano na F1. O primeiro será terá que dar o passo definitivo para se tornar um piloto líder, enquanto o segundo terá que encontrar aquela consistência de desempenho que poderia dar à McLaren uma das duplas mais fortes da atual F1.

DRUGOVICH e BORTOLETO na mesma equipe de F1? Brasileiros falam sobre 2024 e ALÉM na ASTON e MCLAREN

Podcast #262 – No que a série sobre a Brawn GP acertou e errou?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Be part of Motorsport community

Join the conversation
Artigo anterior Ainda há espaço para o GP de Mônaco na F1? Ex-piloto responde
Próximo artigo Quase metade do atual grid da F1 pode estar fora em 2026, avalia jornalista veterano

Top Comments

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Sign up for free

  • Get quick access to your favorite articles

  • Manage alerts on breaking news and favorite drivers

  • Make your voice heard with article commenting.

Motorsport prime

Discover premium content
Assinar

Edição

Brasil