F1: Proposta da Bridgestone para fornecimento de pneus incluía "tecnologias inovadoras e avançadas"

Marca japonesa se manifestou pela primeira vez sobre candidatura de retorno à F1, sendo derrotada a favor da permanência da Pirelli até 2027 (ou 2028)

Bridgestone tyres

Após a FIA e a Fórmula 1 oficializarem a renovação da Pirelli como fornecedora exclusiva de pneus da categoria entre 2025 e 2027 (com opção para 2028), a Bridgestone veio à público falar sobre sua candidatura ao edital, revelando que a proposta incluía a introdução de "tecnologias inovadoras e avançadas".

A decisão pela manutenção da Pirelli veio após uma avaliação detalhada das propostas da empresa italiana e da marca japonesa que, segundo apurado, montou um forte esquema. Até então, a Bridestone vinha mantendo silêncio sobre um possível retorno ao esporte após a fase de 1997 a 2010.

Leia também:

A Bridgestone divulgou um comunicado destacando que, como parte de um retorno às atividades automobilísticas, a volta à F1 está em sua mira, acreditando que certas tecnologias avanças que vêm desenvolvendo para seus produtos de rua podem ser utilizados no esporte.

"Com a Bridgestone celebrando seu 60º aniversário no mundo do esporte a motor em 2023, a empresa segue apoiando o automobilismo premium global e sustentável. A F1 é a plataforma de maior prestígio do mundo, e a Bridgestone vem estudando a F1 como uma de várias opções para apoiar sua estratégia global premium e sustentável no esporte".

"A Bridgestone vinha se comunicando de forma sincera e contínua com a FIA e a FOG [Grupo Fórmula 1] sobre a nova fase de fornecimento de pneus para a F1, propondo tecnologias inovadoras e avançadas e iniciativas de sustentabilidade".

Bridgestone tire

Bridgestone tire

Photo by: Masahide Kamio

A área de maior potencial para a Bridgestone seria levar a tecnologia Enliten para ser aplicada na F1. O processo de construção do pneu, que faz uso extenso de materiais reciclados, ajudou a produzir pneus que são cerca de 20% mais leves que os equivalentes anteriores.

Isso ajuda a reduzir a resistência ao rolamento, proporcionando um melhor consumo de combustível e também pode ajudar no comportamento do carro, uma vez que a massa da roda é menor. Ele também é muito mais sustentável, com 63% dos componentes sendo reciclados e mais leves para o transporte.

Shuichi Ishibashi, Membro da Diretoria e CEO Global da Bridgestone Corporation, disse que, apesar da candidatura não ter sido bem-sucedida, o feedback recebido da F1 e da FIA encorajam a marca a seguir desenvolvendo a tecnologia.

"Enquanto a Bridgestone não dará apoio à F1 neste momento, o processo trouxe reconhecimento positivo da FIA e da FOG, reforçando que o valor criado pela tecnologia inovadora e avançada da Bridgestone, incluindo iniciativas de sustentabilidade pela cadeia de valor e a customização da nova tecnologia Enliten, que pode ser modificada de acordo com as necessidades de cada condição de corrida".

"Assim, a Bridgestone seguirá forçando com toda paixão a tecnologia e a inovação em seus laboratórios, abrindo caminho para ofertas pelo esporte a motor, fortalecendo sua busca por atividades premium globais no automobilismo".

O novo contrato da Pirelli com a F1 vai até 2027, com a opção de estender para 2028. E a marca já vem dando indícios fortes de que deixará a categoria ao final deste acordo, sentindo que tenha cumprido suas ambições de marketing e tecnologia desde o retorno à F1 em 2011. A saída da Pirelli abre a porta para a Bridgestone se colocar no próximo edital. 

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Pérez tenta justificar fracasso no Catar e detona polêmica do GP
Próximo artigo F1: Apenas Alonso poderia se aproximar de Verstappen hoje, diz Marko

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil