F1: Red Bull joga favoritismo do GP da Arábia Saudita para Mercedes

Christian Horner, chefe da equipe austríaca, acredita que configuração do circuito de Jeddah tende a ser vantajosa para a rival alemã

F1: Red Bull joga favoritismo do GP da Arábia Saudita para Mercedes

O chefe da Red Bull Christian Horner acredita que a Mercedes será a favorita para o GP da Arábia Saudita de Fórmula 1 no novo circuito de Jeddah, mas não acredita em encerramento do campeonato no país, e sim em Abu Dhabi, onde ainda não sabe de quem será a vantagem.

Perto uma da outra ao longo da temporada de 2021, as equipes estão a apenas cinco pontos de diferença no mundial de construtores com duas corridas restantes. Já a vantagem de Max Verstappen no campeonato de pilotos caiu para oito pontos após as vitórias consecutivas de Lewis Hamilton no Brasil e no Catar.

Leia também:

Horner acredita que a natureza rápida e fluida do circuito de rua de Jeddah vai influenciar os pontos fortes da escuderia alemã. No entanto, não tem tanta certeza sobre Yas Marina, já que a pista passou por algumas mudanças antes da prova de 2021.

"Vai ser uma luta difícil", disse ele. "A próxima etapa provavelmente será vantajosa para a Mercedes. Não sabemos como Abu Dhabi se sairá com as modificações feitas lá."

"Entramos nessas últimas corridas com oito pontos de vantagem nos pilotos e reduzimos a distância nos construtores para cinco, então as duas disputas estão totalmente ativas. Isso é ótimo porque chegamos ao auge deste campeonato."

Lewis Hamilton, Mercedes W12, Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B

Lewis Hamilton, Mercedes W12, Max Verstappen, Red Bull Racing RB16B

Fotoğraf: Jerry Andre / Motorsport Images

O chefe da Red Bull reforçou a posição de que os dois mundiais vão durar até o último momento pelas trocas de força e oscilações da temporada.

"Viajamos pelo mundo nas últimas três semanas e, em termos de diferença de pontos, estamos praticamente de onde começamos", comentou Horner. Estamos incrivelmente perto. A Mercedes tem um carro muito rápido agora. Já no México, o pêndulo estava do nosso lado e em Austin era imprevisível."

"Estou feliz por termos uma vantagem de oito pontos na próxima corrida e temos que fazer o nosso melhor para maximizar as nossas chances. Desde o início pensei que este campeonato iria até Abu Dhabi e ainda não mudei de ideia", concluiu.

SCHUMACHER FURIOSO com SENNA em Interlagos? Saiba da TRETA entre os campeões que POUCOS se lembram

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #148: O jogo virou a favor da Mercedes? Quem é o favorito ao título?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Antigo 'inimigo nº 1 da Ferrari', Montoya pilota carro com que Massa quase foi campeão em 2008
Artigo anterior

F1: Antigo 'inimigo nº 1 da Ferrari', Montoya pilota carro com que Massa quase foi campeão em 2008

Próximo artigo

Sir Frank Williams, lendário chefe de equipe da F1, morre aos 79 anos

Sir Frank Williams, lendário chefe de equipe da F1, morre aos 79 anos
Carregar comentários