F1: Red Bull planejava começar GP da Hungria com pneus duros

Dificuldades com macios ainda na ida para o grid fez equipe trocar de estratégia na última hora

F1: Red Bull planejava começar GP da Hungria com pneus duros
Carregar reprodutor de áudio

Max Verstappen começou a corrida no GP da Hungria de Fórmula 1 em décimo lugar após um problema no motor durante a classificação, para a largada, as simulações da Red Bull mostravam que a melhor rota para conquistar um bom resultado era ter um primeiro stint longo com pneus duros, mas dificuldades que os dois pilotos tiveram em até trocar os pneus macios a caminho do grid levaram a Red Bull a abandonar sua ideia inicial.

Isso provou ser um movimento extremamente significativo, já que as dificuldades dos rivais - incluindo a Ferrari de Charles Leclerc - com os pneus duros mostraram que isso teria condenado a Red Bull a um início de corrida muito difícil ao contrário dos macios que ajudou a garantir a vitória.

Leia também:

"Nossa estratégia estava fora da janela depois das voltas para o grid," explicou Verstappen.

"Nós tivemos que mudar e fazer uma nova, mas não acho que seja muito difícil para a equipe: eles são muito flexíveis e sabem o que estão fazendo."

O chefe da Red Bull, Christian Horner, contou que sabendo das dificuldades dos pilotos nas voltas de ida ao grid, seria "ridículo" levar o plano original adiante. 

"Nós iríamos começar a corrida com pneus duros porque estatisticamente parecia ser a nossa melhor corrida", ele disse.

Max Verstappen, Red Bull Racing RB18, Daniel Ricciardo, McLaren MCL36, Mick Schumacher, Haas VF-22, Kevin Magnussen, Haas VF-22, Valtteri Bottas, Alfa Romeo C42, the remainder of the field on the opening lap

Max Verstappen, Red Bull Racing RB18, Daniel Ricciardo, McLaren MCL36, Mick Schumacher, Haas VF-22, Kevin Magnussen, Haas VF-22, Valtteri Bottas, Alfa Romeo C42, the remainder of the field on the opening lap

Photo by: Mark Sutton / Motorsport Images

"Mas os pilotos estavam lutando para pegar temperatura no pneu macio na ida ao grid e parecia ridículo começar a corrida com os pneus duros particularmente com chuva se aproximando ao redor.

"Nós mudamos nossos dois pilotos para os pneus macios o que nos comprometeu muito a fazer duas paradas, mas fizemos funcionar hoje e deu tudo certo."

Verstappen concordou que era absolutamente fácil de abdicar do plano com os pneus duros uma vez que ficou claro o quão difícil estava para deixar a borracha aquecida.

"Eu fui para o grid com pneus macios e estava lutando com a aderência, então eu fiquei: "Não tem condição largamos com pneus duros," explicou.

"É mérito da equipe também porque nós, claro, planejamos a estratégia em torno do pneu duro e depois estávamos: "ok, vamos mudar para os macios."

"Eu fiquei muito feliz com o que fizemos porque os pneus duros estavam muito, muito difíceis e você conseguia ver isso com Charles e Carlos, eles estavam escorregando muito."

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #187 – Marko está certo ao colocar Verstappen como “a maior história de sucesso da Red Bull”?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Como a Aston Martin conseguiu o chocante acordo com Fernando Alonso
Artigo anterior

F1: Como a Aston Martin conseguiu o chocante acordo com Fernando Alonso

Próximo artigo

F1: Verstappen elogia "calma insana" de Schmitz, estrategista da Red Bull, para tomar decisão na Hungria

F1: Verstappen elogia "calma insana" de Schmitz, estrategista da Red Bull, para tomar decisão na Hungria