Últimas notícias

F1: Szafnauer detona Piastri e cobra “um pouco mais de integridade” do piloto

Dirigente também desconversou sobre possibilidade de contratação de Daniel Ricciardo, dizendo que australiano é bem falado internamente

Oscar Piastri, Reserve Driver, Alpine F1 Team

O chefe da Alpine na Fórmula 1, Otmar Szafnauer, pediu que Oscar Piastri tivesse “um pouco mais de integridade” depois que o australiano assinou um contrato com a McLaren.

A Alpine está em disputa com sua promessa e piloto reserva, e o assunto será encaminhado à Junta de Reconhecimento de Contratos (CRB) na próxima semana.

Leia também:

A equipe estava planejando originalmente colocar Piastri na Williams em 2023. Depois que o assento de Fernando Alonso ficou disponível após a partida do espanhol para a Aston Martin, a Alpine anunciou rapidamente que Piastri correria pela equipe na próxima temporada.

No entanto, Piastri já havia concordado em cortar seus laços com a Alpine e se juntar à McLaren, e assim ele foi às redes sociais para dizer que não competirá pela equipe de Enstone.

Ambas as equipes envolvidas no caso terão que respeitar a decisão do CRB.

Questionado pela Sky F1 sobre seus sentimentos atuais em relação a Piastri, Szafnauer deixou sua opinião clara.

"Ele é um jovem piloto promissor", disse ele. "Ele ainda não pilotou na F1. E meu desejo para Oscar era que ele tivesse um pouco mais de integridade.

“Ele também assinou um pedaço de papel em novembro e fizemos tudo ao nosso alcance para prepará-lo para a F1.

“E a parte dele no trato era correr para nós ou guiar onde o colocaríamos pelos próximos três anos. E eu só gostaria que Oscar tivesse se lembrado do que ele assinou em novembro e do que ele assinou."

Questionado se a equipe já estava em discussões com outros pilotos além de Piastri, Szafnauer disse: “Acho que a coisa certa a fazer é ir ao CRB na segunda-feira, ver como isso se desenrola e depois começar a analisar algumas negociações a sério."

Otmar Szafnauer, Team Principal, Alpine F1, and Pat Fry

Otmar Szafnauer, Team Principal, Alpine F1, and Pat Fry

Photo by: Carl Bingham / Motorsport Images

Com Daniel Ricciardo agora oficialmente disponível após a confirmação de sua separação com a McLaren, o nome do australiano está inevitavelmente ligado a um retorno à equipe.

Ricciardo pilotou pela então Renault em 2019 e 2020, registrando dois terceiros lugares em sua segunda temporada.

Szafnauer não negou que Ricciardo seja candidato ao cargo.

"A equipe fala muito bem de Daniel e de seu tempo aqui. Ainda não tivemos essas discussões estratégicas, mas todo mundo que eu pergunto, a equipe de engenharia, eles realmente falam muito bem de sua habilidade como piloto e motivador de equipe."

F1 AO VIVO: RBR x Ferrari, Verstappen e Leclerc PUNIDOS, Alfa-Sauber e PROVOCAÇÃO da Audi à Mercedes

Podcast #192 – Sequência de corridas decidirá campeonato da F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Artigo anterior F1: Verstappen responde Ferrari e é o mais rápido da sexta-feira em Spa
Próximo artigo F1: “Não sou treinador de pilotos”, diz Norris sobre situação de Ricciardo
Assinar