Fórmula 1 GP da Itália

F1: Veja os pilotos candidatos a substituir Fernando Alonso na Alpine em 2023

A Alpine permanece com apenas um piloto para a temporada 2023 da Fórmula 1, Esteban Ocon. A seguir, veja os candidatos para ocupar a vaga deixada por Fernando Alonso na equipe

Fernando Alonso, Alpine F1 Team, on the drivers' parade

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Depois de muita análise se decidir pelo plano A ou B (renovar Alonso ou promover Oscar Piastri), a Alpine ficou sem seus dois pilotos para 2023, e ainda estão procurando aquele que será o parceiro de Esteban Ocon na próxima temporada de Fórmula 1.

Com Alonso na Aston Martin e Piastri na McLaren, há um leque de possibilidades para a Alpine, mas o que a equipe francesa procura não é fácil de encontrar no mercado. Mesmo assim, eles têm um objetivo claro, e a partir de agora esclarecemos que o objetivo principal é contratar Gasly, piloto da AlphaTauri.

Leia também:

A Red Bull, equipe a qual ele pertence, portanto, controla seus pilotos, está disposta a libertar o francês, mas para isso ele precisa substituí-lo por Colton Herta, que precisa de uma super licença para chegar à F1.

A F1 não parece disposta a conceder a ele em razão dos precedentes que abririam, então se Gasly não for liberado, a Alpine tem que pensar em outra opção.

Os pilotos candidatos à vaga da Alpine na Fórmula 1 em 2023 

Piloto Pontos a favor Pontos contra
France Pierre Gasly Tudo. É o piloto preferido pela Alpine Só irá para a Alpine se a Herta conseguir a super licença para assumir vaga na AlphaTauri
Australia Daniel Ricciardo Piloto experiente Saiu mal da Renault deu errado e não está no seu melhor momento
Germany Nico Hulkenberg Piloto experientee conhece a equipe Está há quase três temporadas sem ser titular na F1
Australia Jack Doohan É da Academia da Alpine Ele é um piloto de F2, inexperiente e inconsistente
Netherlands Nyck de Vries Demonstrou que pode render bem na F1 Tem o mesmo gerente que Ocon
Germany Mick Schumacher Tem o apoio do Ocon, tem um nome ilustre e é alemão Não convenceu em dois anos na F1

A Alpine gostaria de um piloto com experiência na Fórmula 1 e, embora Ricciardo parecesse a escolha óbvia após sua saída da McLaren, a relação entre o australiano e a equipe não terminou bem em 2020.

Nico Hulkenberg é outro nome que foi cogitado, mas está no final de sua carreira e embora tenha disputado cinco GPs nessas três temporadas substituindo pilotos que testaram positivo para COVID-19, ele não participa de uma temporada completa na Fórmula 1 há três anos .

Sem essas duas opções, a Alpine não descarta um jovem piloto. Nesse sentido, Jack Doohan faz parte da academia da equipe e, pelo menos a médio prazo, é um sério candidato a ser promovido para a F1.

Além disso, o Motorsport.com soube que na Alpine falaram com Nyck De Vries e o veem com bons olhos, ainda mais depois de sua grande estreia com a Williams no GP da Itália. No entanto, apesar de ter 27 anos e ser o campeão do mundial de Fórmula E, a sua experiência na F1 é muito limitada. Além disso, seu empresário é o mesmo de Ocon, e é difícil para um time querer ter uma dupla de pilotos completamente representada pelo mesmo agente. E ainda mais se esse agente for Toto Wolff...

Falando de todas as opções, o CEO da Alpine, Laurent Rossi, disse que a prioridade era fazer com que um piloto marcasse pontos desde o início, em vez de precisar de tempo para se adaptar e se desenvolver.

"Temos que encontrar um piloto que seja capaz de marcar pontos importantes desde o início", disse Rossi ao Motorsport.com sobre o tipo de piloto que a Alpine está procurando.

"Isso basicamente nos leva a um piloto mais veterano, mas ao mesmo tempo capaz de crescer conosco. Então, esses são os critérios que usamos no momento."

“Otmar [Szafnauer] está executando o processo, vendo todos os pilotos, discutindo com eles, avaliando as opções, avaliando-os e, potencialmente, avaliando-os em testes. "

"Queremos tomar a decisão certa e não há pressa."

Jack Doohan, Virtuosi Racing

Jack Doohan, Virtuosi Racing

Doohan já conquistou três pole positions nesta temporada de F2, a última no último fim de semana na Itália, e conquistou duas vitórias nas corridas principais (Silverstone e Spa) e uma na corrida de sprint (Hungria).

Questionado se o australiano estava nos planos da equipe, Rossi disse: "Sim, absolutamente. Jack é rápido e está rendendo bastante agora".

"Para ser honesto, já sabíamos que ele era muito rápido, a velocidade bruta que ele tem, mas ele ganhou muito mais maturidade. Isso mostra na pista, mas também fora dela. As conversas que temos são impressionantes. Acho que algo ligou nele, ele deu um passo, o que é muito bom.

Apesar dos elogios, Rossi ainda acha que seria melhor para alguém como Doohan ficar um ou dois anos longe da pressão de uma equipe de ponta para aprender em um time menor.

"Independentemente do seu valor, continuamos a acreditar que o melhor caminho para um jovem piloto é ir para uma equipe onde haja um pouco menos de pressão para atuar", acrescentou Rossi.

“Prefiro que ele danifique sua primeira asa em outro lugar, que encontre seus limites em um carro novo, porque o passo é grande de um F2 para um F1.

"É o que todo mundo faz em outras equipes. É por isso que George [Russell], apesar de seu talento incrível, passou anos na Williams. Ou Charles [Leclerc], todos eles precisam basicamente aprimorar suas habilidades por um ano ou dois em uma grande máquina que é muito mais rápido que o F2. Então esse é o plano para Jack."

"Isso não quer dizer que não o levamos em consideração, porque sua forma é impressionante. Então, estamos olhando para ele."

“Mas, novamente, ainda temos em mente o principal requisito, que é estar pronto para marcar pontos imediatamente e nos ajudar a continuar crescendo através do desenvolvimento do carro”.

"Então, precisamos de alguém que possa estar nesse caminho ao lado de Esteban. Não podemos desenvolver um carro em um lado da garagem."

Podcast #195 - Fantasma de Abu Dhabi assombra Monza: o que mudar na F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior ANÁLISE F1 - Ferrari motivada: Desenvolvimento do F1-75 não para
Próximo artigo F1 - Webber desmente Alpine: Eles pagaram apenas 20% da carreira de Piastri

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil