F1: Verstappen comenta estratégia "agressiva" que deu vitória em Austin e exalta fãs

Holandês perdeu liderança para Hamilton logo na largada, mas recuperou nas paradas nos boxes e terminou GP com pneus gastos

F1: Verstappen comenta estratégia "agressiva" que deu vitória em Austin e exalta fãs

Max Verstappen largou na pole position do GP dos Estados Unidos de Fórmula 1, perdeu a liderança logo na primeira curva para Lewis Hamilton e parecia que teria dificuldades para recuperar a ponta. No entanto, a Red Bull acertou na estratégia ao pará-lo antes do britânico nos dois pit stops, em uma tática "agressiva".

O holandês revelou nas entrevistas após a corrida que teve dificuldades em controlar o carro com a abrasividade do circuito, que fez com que seus pneus chegassem ao final bem gastos e tendo que segurar o heptacampeão com melhor ritmo atrás.

Leia também:

"Perdemos na largada, então tivemos que tentar outra coisa", comentou Verstappen. "O desgaste dos pneus é bem alto nesta pista, então fomos agressivos e eu não tinha certeza se ia funcionar. As últimas voltas foram divertidas, saí um pouco de lado nas curvas de alta velocidade, mas fiquei super feliz em me segurar."

Austin também contou com cerca de 400 mil espectadores no autódromo durante todo o fim de semana, o que marcou o retorno das multidões a um GP desde o começo da pandemia de Covid-19, o que agradou Max.

"Eles [fãs] têm sido incríveis e é demais estar aqui e ver tantos deles, então espero que possamos fazer isso por muitos anos."

F1 AO VIVO: Verstappen SEGURA Hamilton após GUERRA ESTRATÉGICA e vence em Austin; veja análise do GP | PÓDIO

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #139 – Qual o campeonato da F1 mais emocionante do século?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Hamilton diz que "deu absolutamente tudo" nos Estados Unidos
Artigo anterior

F1: Hamilton diz que "deu absolutamente tudo" nos Estados Unidos

Próximo artigo

F1: Pérez diz que GP dos Estados Unidos foi mais difícil "fisicamente"

F1: Pérez diz que GP dos Estados Unidos foi mais difícil "fisicamente"
Carregar comentários