Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
66 dias
06 mai
Próximo evento em
108 dias
20 mai
Próximo evento em
122 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
136 dias
10 jun
Próximo evento em
143 dias
24 jun
Próximo evento em
157 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
164 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
178 dias
29 jul
Próximo evento em
192 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
220 dias
02 set
Próximo evento em
227 dias
09 set
Próximo evento em
234 dias
23 set
Próximo evento em
248 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
255 dias
07 out
Próximo evento em
262 dias
21 out
Próximo evento em
276 dias
28 out
Próximo evento em
283 dias
05 nov
Próximo evento em
291 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
304 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
319 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
328 dias

Force India decide rever regras internas após GP do Canadá

compartilhar
comentários
Force India decide rever regras internas após GP do Canadá
Por:

A Force India admitiu que poderá precisar mudar suas regras internas entre seus pilotos no futuro após as controversas ordens de equipe no GP do Canadá.

Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM10, Kimi Raikkonen, Ferrari SF70H, Esteban Ocon, Sahara Force India F1 VJM10, Nico Hulkenberg, Renault Sport F1 Team RS17
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM10, Esteban Ocon, Sahara Force India F1 VJM10, Nico Hulkenberg, Renault Sport F1 Team RS17
Esteban Ocon, Sahara Force India F1 VJM10, Nico Hulkenberg, Renault Sport F1 Team RS17
Esteban Ocon, Sahara Force India F1 VJM10
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM10, Esteban Ocon, Sahara Force India F1 VJM10
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM10, in the pits
Esteban Ocon, Sahara Force India F1 VJM10
Esteban Ocon, Sahara Force India F1 VJM10
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM10
Esteban Ocon, Sahara Force India F1 VJM10, Valtteri Bottas, Mercedes AMG F1 W08
Esteban Ocon, Sahara Force India F1 VJM10
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM10
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM10
Esteban Ocon, Sahara Force India F1 VJM10

Os pilotos do time, Sergio Pérez e Esteban Ocon, tentavam alcançar Daniel Ricciardo, que estava em terceiro, na fase final da corrida. A Force India, então, iniciou discussões pelo rádio para cogitar a ideia de haver uma inversão de posições.

Isso porque Ocon, que estava em quinto, acreditava que estava mais rápido e tinha pneus mais novos, o que significaria uma maior chance de passar Ricciardo caso Pérez abrisse caminho.

Mas, com a equipe sem dar ordens explícitas a Pérez e o mexicano convencido de que ele próprio poderia superar Ricciardo, a dupla acabou ficando na mira de Sebastian Vettel, que passou ambos e os fez cair para quinto e sexto.

O chefe da equipe, Bob Fernley, está ciente de que havia a chance de um pódio, mas acredita que teria sido errado interferir muito na disputa.

Contudo, ele admite que houve lições a serem aprendidas com o episódio e que a Force India poderá revisar a situação para entender como se comportar em casos semelhantes no futuro. 

“Houve positivos e negativos com o que aconteceu”, disse, ao Motorsport.com. “O que aquilo fez foi destacar o ‘problema’ que temos, o que é um elogio, que é o fato de termos dois pilotos incrivelmente rápidos.”

“Então, talvez precisemos rever nossa posição sobre como faremos as coisas no futuro. É um bom problema bom de ter, e não podemos deixar isso apagar que foi um resultado fantástico para a equipe.”     

Perguntado se estava frustrado pelo fato de a equipe ter perdido sua maior chance até agora de conquistar um pódio, Fernley disse: “Não estou frustrado, na verdade. Acho que precisamos olhar isso.”

“Se precisarmos mudar a política de trabalho, será uma decisão à parte. Mas, chegando nas corridas, sempre permitimos que os pilotos corram. Não faremos restrições nisso nos dias das corridas.”

“Do ponto de vista de um fã, não podemos ter os dois. Não podemos reclamar quando os outros trocam posições e dizer que queremos que eles corram, mas aí, quando eles correm, queremos que haja a troca de posições. Então, nossa política é deixá-los correr, e foi isso que fizemos.”

O dono da equipe, Vijay Mallya, também afirmou que não iria longe o bastante para impor ordens de equipe, mas indicou que a dinâmica interna poderá mudar.

“Muito bem, Force India. Estou orgulhoso de vocês. Nossa política de não haver ordens de equipe continua, mas eu vou especificar instruções para alcançar os melhores resultados.”

A reclamação de Ocon

Fernley também disse que a equipe irá analisar as imagens da fase final da corrida para ver se Pérez jogou duro demais em sua defesa de posição.

“Nós vamos ver o vídeo e passá-lo aos dois pilotos para ver como será. Temos dois pilotos que estão no topo de suas formas, e é algo que teremos de olhar, para ver como podemos controlar isso e nos manter ligados.”

Verstappen se diz "preocupado" com Renault para 2018

Artigo anterior

Verstappen se diz "preocupado" com Renault para 2018

Próximo artigo

Raio-X: Quem foi melhor de classificação, Senna ou Hamilton?

Raio-X: Quem foi melhor de classificação, Senna ou Hamilton?
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Sergio Perez , Esteban Ocon
Equipes Force India
Autor Jonathan Noble