Fórmula 1
02 jul
-
05 jul
Próximo evento em
28 dias
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
42 dias
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
84 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
91 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Próximo evento em
105 dias
24 set
-
27 set
Próximo evento em
112 dias
08 out
-
11 out
Próximo evento em
126 dias
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
140 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
147 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
161 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
175 dias

GP da Itália de F1 anuncia realização da prova em setembro com portões abertos

compartilhar
comentários
GP da Itália de F1 anuncia realização da prova em setembro com portões abertos
Por:
, Repórter
7 de mai de 2020 18:06

A conta do autódromo de Monza no Twitter anunciou que a prova será realizada na sua data original e com a presença do público

Aos poucos, a Fórmula 1 vai revelando informações sobre como será a formatação do calendário de 2020 da categoria. Mas, nesta quinta, a organização do GP da Itália deu um "furo" na categoria, anunciando que a prova será realizada na sua data original e com portões abertos.

Leia também:

A Itália foi um dos países mais afetados pela pandemia da Covid-19, com altos números de infectados e mortes mas, aos poucos, está saindo de seu período de confinamento e retomando a vida normal.

VÍDEO: Massa detalha dia em que Raikkonen 'zoou' Schumacher

O projeto original da F1 busca realizar provas na Europa entre julho e setembro, Ásia e Américas em outubro e novembro e finalizando com o Oriente Médio em dezembro. Mas, até o momento, apenas os GPs da Áustria e da Grã-Bretanha eram vistos como certos e a Itália era considerada dúvida, devido à crise que o país passou com a pandemia.

 

Por isso surpreendeu quando a página oficial do Autódromo de Monza no Twitter confirmou que não apenas a prova será realizada em sua data original, dia 06 de setembro, mas que os ingressos já estão a venda e podem ser comprados no site oficial do autódromo.

Até o momento, o GP da Itália foi o primeiro a se manifestar sobre realizar uma prova com portões abertos. Outros circuitos do mundial, como Barcelona e Hungaroring, já falaram que estão dispostos a receber corridas sem público.

Outra opção que a F1 está considerando para preencher o calendário desse ano é realizar provas que não faziam parte do projeto original do mundial em 2020, como Ímola, Portimão e Hockenheim.

Confira as principais curiosidades do GP da Itália de F1

Galeria
Lista

Desde o início da Fórmula 1 como conhecemos hoje, apenas em 1980 o local do GP da Itália não foi em Monza, por estar em reformas. Ímola, que normalmente recebeu o GP de San Marino, foi o local que representou a Itália e viu a vitória de Nelson Piquet.

Desde o início da Fórmula 1 como conhecemos hoje, apenas em 1980 o local do GP da Itália não foi em Monza, por estar em reformas. Ímola, que normalmente recebeu o GP de San Marino, foi o local que representou a Itália e viu a vitória de Nelson Piquet.
1/15

Foto de: LAT Images

A primeira edição do GP da Itália foi realizada em 1921 em Montichiari, com vitória do francês Jules Goux.

A primeira edição do GP da Itália foi realizada em 1921 em Montichiari, com vitória do francês Jules Goux.
2/15

Foto de: Phil Harms Collection

Michael Schumacher (1996, 1998, 2000, 2003, 2006) e...

Michael Schumacher (1996, 1998, 2000, 2003, 2006) e...
3/15

Foto de: XPB Images

Lewis Hamilton (2012, 2014, 2015, 2017 e 2018) são os maiores vencedores do GP da Itália, com cinco triunfos cada um.

Lewis Hamilton (2012, 2014, 2015, 2017 e 2018) são os maiores vencedores do GP da Itália, com cinco triunfos cada um.
4/15

Foto de: Alessio Morgese/Alex Galli

Nelson Piquet é o brasileiro que subiu ao pódio mais vezes na Itália, em 1980, 1983, 1986 e 1987.

Nelson Piquet é o brasileiro que subiu ao pódio mais vezes na Itália, em 1980, 1983, 1986 e 1987.
5/15

Foto de: LAT Images

Rubens Barrichello vem a seguir com três vitórias (2002, 2004 e 2009), Ayrton Senna (foto) com duas (1990 e 1992) e Emerson Fittipaldi ganhou em 1972

Rubens Barrichello vem a seguir com três vitórias (2002, 2004 e 2009), Ayrton Senna (foto) com duas (1990 e 1992) e Emerson Fittipaldi ganhou em 1972
6/15

Foto de: Sutton Motorsport Images

- A vitória de Barrichello em 2009 é também a última de um brasileiros na Fórmula 1.

- A vitória de Barrichello em 2009 é também a última de um brasileiros na Fórmula 1.
7/15

Foto de: XPB Images

Rubinho também detém o recorde da volta mais rápida em uma prova em Monza com 1min21s046, em 2004, quando estava na Ferrari.

Rubinho também detém o recorde da volta mais rápida em uma prova em Monza com 1min21s046, em 2004, quando estava na Ferrari.
8/15

Foto de: Ferrari Media Center

Festa em casa: a Ferrari é a equipe que mais festejou vitórias na Itália, com 18 vitórias desde 1950, mas não consegue tal feito desde 2010, quando Fernando Alonso foi para a galera.

Festa em casa: a Ferrari é a equipe que mais festejou vitórias na Itália, com 18 vitórias desde 1950, mas não consegue tal feito desde 2010, quando Fernando Alonso foi para a galera.
9/15

Foto de: Steve Etherington / Motorsport Images

A edição de 1988 foi histórica. Além de ser a única vitória de um carro que não fosse a McLaren de Ayrton Senna ou Alain Prost, Gerhard Berger liderou a dobradinha da escuderia italiana logo após a morte de Enzo Ferrari, que aconteceu no mês anterior.

A edição de 1988 foi histórica. Além de ser a única vitória de um carro que não fosse a McLaren de Ayrton Senna ou Alain Prost, Gerhard Berger liderou a dobradinha da escuderia italiana logo após a morte de Enzo Ferrari, que aconteceu no mês anterior.
10/15

Foto de: David Phipps

- Monza é especial para Sebastian Vettel, sendo o local de sua primeira pole position e vitória na Fórmula 1, na edição de 2008, quando ainda atuava pela Toro Rosso.

- Monza é especial para Sebastian Vettel, sendo o local de sua primeira pole position e vitória na Fórmula 1, na edição de 2008, quando ainda atuava pela Toro Rosso.
11/15

Foto de: XPB Images

Monza também já teve um traçado incomum, utilizando a combinação entre misto e oval nos anos de 1955, 1956, 1960 e 1961...

Monza também já teve um traçado incomum, utilizando a combinação entre misto e oval nos anos de 1955, 1956, 1960 e 1961...
12/15

Foto de: LAT Images

Na última vez, um acidente matou o alemão Wolfgang Von Trips (foto) e mais 10 espectadores, após o carro se chocar em uma barreira com torcedores próximos.

Na última vez, um acidente matou o alemão Wolfgang Von Trips (foto) e mais 10 espectadores, após o carro se chocar em uma barreira com torcedores próximos.
13/15

Foto de: David Phipps

Christian Fittipaldi teve um dos acidentes mais espetaculares da carreira em Monza, no GP de 1993. Já na reta de chegada, a Minardi do brasileiro foi catapultada pela de seu companheiro de equipe, Pierluigi Martini, dando uma volta completa no ar e caindo com as quatro rodas no chão.

Christian Fittipaldi teve um dos acidentes mais espetaculares da carreira em Monza, no GP de 1993. Já na reta de chegada, a Minardi do brasileiro foi catapultada pela de seu companheiro de equipe, Pierluigi Martini, dando uma volta completa no ar e caindo com as quatro rodas no chão.
14/15

Foto de: Uncredited

Christian saiu do carro caminhando e costuma dizer que no momento em que esteve no ar, viu sua vida passar pelos olhos.

Christian saiu do carro caminhando e costuma dizer que no momento em que esteve no ar, viu sua vida passar pelos olhos.
15/15

Foto de: Sutton Motorsport Images

VÍDEO: Quais são os maiores pilotos da história da McLaren na F1?

PODCAST: Os cinco maiores mitos e verdades da F1

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Próximo artigo
Análise técnica: o que as asas dianteiras dizem sobre as equipes da F1 em 2020 (Parte 2)

Artigo anterior

Análise técnica: o que as asas dianteiras dizem sobre as equipes da F1 em 2020 (Parte 2)

Próximo artigo

Relembre pódio de Coulthard após escapar de trágico acidente aéreo

Relembre pódio de Coulthard após escapar de trágico acidente aéreo
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Guilherme Longo