Fórmula 1
02 jul
-
05 jul
Evento encerrado
09 jul
-
12 jul
Evento em andamento . . .
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
6 dias
R
GP de 70º aniversário
06 ago
-
09 ago
Próximo evento em
27 dias
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
48 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
55 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Canceled
24 set
-
27 set
Próximo evento em
76 dias
08 out
-
11 out
Canceled
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
104 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
111 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
125 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
139 dias
Análise técnica de Giorgio Piola
Assunto

Análise técnica de Giorgio Piola

Análise técnica: o que as asas dianteiras dizem sobre as equipes da F1 em 2020 (Parte 2)

compartilhar
comentários
Análise técnica: o que as asas dianteiras dizem sobre as equipes da F1 em 2020 (Parte 2)
Por:
, Especialista
Co-autor: Matt Somerfield
7 de mai de 2020 17:09

Na primeira parte, você conferiu os trabalhos de Haas e Alfa Romeo; hoje é a vez da Racing Point e da AlphaTauri

Mudanças radicais no regulamento geralmente levam ao elemento da divergência, já que cada equipe acaba indo para sua própria direção, especialmente na Fórmula 1. Mas, com o passar do tempo, começamos a ver uma certa convergência, com todas indo atrás de desenvolver soluções similares à que teve a melhor performance.

Graças às ilustrações de Giorgio Piola, pudemos entender um pouco como que as equipe adaptaram não apenas suas asas dianteiras, mas também os bicos, recuperando parte da downforce e reduzindo o arrasto criado naturalmente com a introdução do novo regulamento.

Leia também:

Racing Point

A Racing Point e a renomeada AlphaTauri procurarão, sem dúvidas, melhorar suas posições finais quando a temporada finalmente começar, mas vamos dar uma olhada nas mudanças que elas fizeram nas suas asas e bicos dianteiros, desde a última mudança de regulamento, em 2019.

Racing Point RP19, front wing comparsion

Racing Point RP19, front wing comparsion

Photo by: Giorgio Piola

Nos últimos anos, a Racing Point tem buscado seguir uma rota aerodinâmica similar à da Red Bull mas, com seu modelo de 2020, fez uma mudança brusca na trajetória, optando por fazer uma réplica da Mercedes.

Durante 2019, a maior parte do desenvolvimento feito na asa dianteira consistiu em fazer ajustes no design da placa lateral, alterando o comprimento e a forma na parte traseira de sua superfície em várias ocasiões. Sua intenção era alterar o vórtice formato a partir dali, afetando a turbulência criada pela roda e o pneu atrás.

Racing Point RP19 front nose

Racing Point RP19 front nose

Photo by: Giorgio Piola

Depois de acompanhar por fora a tendência de criar uma capa para o bico, a Racing Point se juntou à festa no GP do Canadá, mas aparentemente não ficou totalmente convencida pela solução em conjunto com as entradas existentes, em formato de "nariz de cobra", um recurso introduzido pela equipe em 2015 e melhorado desde então.

Uma solução totalmente nova apareceu no GP da Bélgica, quando mudou para uma ponta de bico mais simplista, em formato similar a um polegar, e um conjunto de pilares em formato de asas com fendas longas.

Side by side

Racing Point RP20 front wing
Mercedes W10 front wing

O combo asa e bico de 2020, assim como o resto do carro, é quase um clone do design da Mercedes de 2019, com um corpo esbelto, capa grande, ponta do bico mais bulbosa e pilares estreitos. No entanto, existem algumas mudanças sutis entre os dois modelos, com a forma do estribo e do cata-vento em cima, sendo os elementos que diferenciam a Racing Point da Mercedes.

AlphaTauri

O nome em cima da porta e o esquema de cores pode ser diferente, mas o trabalho continua o mesmo para a equipe irmã da Red Bull em 2020.

Toro Rosso STR14 front wing

Toro Rosso STR14 front wing

Photo by: Giorgio Piola

A equipe italiana, assim como a Ferrari e a Alfa Romeo, decidiu por um design "descarregado" para a asa dianteira de 2019, mas o fez até certo ponto, considerando seu orçamento. A transição das abas para o ponto em que encontra a placa final foi mais semelhante ao design usado pela Ferrari do que a Alfa Romeo, por exemplo.

Você pode notar também que a equipe contrariou a tendência da capa do bico, escolhendo um design mais simples da extensão da ponta para o bico e um longo conjunto de pilares de asa, com orifícios que permitem a passagem do fluxo de ar de um lado para o outro.

AlphaTauri AT01 front wing nose

AlphaTauri AT01 front wing nose

Photo by: Giorgio Piola

Para 2020, a equipe fez pequenas alterações no design da asa dianteira, pois os projetistas prestaram atenção às pontas das abas internas e como o fluxo dessa região interage com o vórtice Y250 formado abaixo. Além disso, há uma alteração no comprimento dos pilares da asa dianteira, que agora não bem mais curtos e apresentam apenas uma ranhura em sua superfície.

GALERIA: Os carros da Racing Point / Force India na F1

Galeria
Lista

2008: VJM01

2008: VJM01
1/13

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Pilotos: Adrian Sutil e Giancarlo Fisichella

2009: VJM02

2009: VJM02
2/13

Foto de: XPB Images

Pilotos: Adrian Sutil, Giancarlo Fisichella e Vitantonio Liuzzi

2010: VJM03

2010: VJM03
3/13

Foto de: Hazrin Yeob Men Shah

Pilotos: Adrian Sutil e Vitantonio Liuzzi

2011: VJM04

2011: VJM04
4/13

Foto de: Sutton Motorsport Images

Pilotos: Adrian Sutil e Paul di Resta

2012: VJM05

2012: VJM05
5/13

Foto de: Charles Coates / Motorsport Images

Pilotos: Paul di Resta, Nico Hulkenberg

2013: VJM06

2013: VJM06
6/13

Foto de: Patrik Lundin / Motorsport Images

Pilotos: Paul di Resta e Adrian Sutil

2014: VJM07

2014: VJM07
7/13

Foto de: Sutton Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Nico Hulkenberg

2015: VJM08 / VJM08B

2015: VJM08 / VJM08B
8/13

Foto de: Sutton Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Nico Hulkenberg

2016: VJM09

2016: VJM09
9/13

Foto de: Sutton Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Nico Hulkenberg

2017: VJM10

2017: VJM10
10/13

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Esteban Ocon

2018: VJM11

2018: VJM11
11/13

Foto de: Zak Mauger / Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Esteban Ocon / Force India entre os GPs da Austrália e Hungria e Racing Point Force India da Bélgica até o final do ano

2019: RP19

2019: RP19
12/13

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

Pilotos: Sergio Pérez e Lance Stroll

2020: RP20

2020: RP20
13/13

Foto de: Racing Point

Pilotos: Lance Stroll e Sergio Pérez

VÍDEO: Quais são os maiores pilotos da história da McLaren na F1?

PODCAST: Os cinco maiores mitos e verdades da F1

 

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Próximo artigo
Vergne diz que sonha com fusão entre Fórmula 1 e Fórmula E no futuro

Artigo anterior

Vergne diz que sonha com fusão entre Fórmula 1 e Fórmula E no futuro

Próximo artigo

GP da Itália de F1 anuncia realização da prova em setembro com portões abertos

GP da Itália de F1 anuncia realização da prova em setembro com portões abertos
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Giorgio Piola