Últimas notícias
Fórmula 1 GP da Malásia

GP da Malásia deixa calendário da F1 em 2018; Alemanha volta

Sepang, presente na rota da F1 desde 1999, realizará sua última corrida na categoria em outubro

Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W07 Hybrid leads at the start of the race

O GP da Malásia deixará o calendário da F1 no ano que vem após uma decisão tomada em conjunto com a direção da prova.

O futuro do evento em Sepang esteve em dúvida por vários meses após os ministros do governo anunciarem em novembro que não bancariam a renovação do atual contrato, que expiraria ao fim de 2018.

A decisão de não continuar recebendo o evento da F1 foi baseada nos altos custos para a realização do evento, aliado à baixa venda de ingressos.

Contudo, após conversas com o Liberty Media, novos donos da F1, um acordo foi feito para que o contrato fosse encerrado já ao fim da corrida deste ano. O evento será substituído no calendário pelo GP da Alemanha, que volta à categoria.

Diretor comercial da F1, Sean Bratches afirmou em comunicado: “É sempre triste dizer adeus a um membro da família F1. Por duas décadas, os fãs malaios mostraram ser um dos mais apaixonados apoiadores do esporte.”

“Como dissemos em Melbourne, temos grandes planos para aproximar nossa base de fãs ao esporte como nunca foi feito, fornecendo maior experiência digital e criando novos eventos. Estamos ansiosos para falar mais sobre esses planos com ao decorrer da temporada.”

“Teremos 21 corridas empolgantes no calendário de 2018, com as adições dos GPs da França e da Alemanha. Gostaria de aproveitar essa oportunidade para agradecer ao Circuito Internacional de Sepang pela hospitalidade e profissionalismo ao longo dos anos e seu comprometimento com o automobilismo.”

Apesar de não ter atingido o sucesso comercial com sua corrida de F1, o autódromo segue totalmente comprometido à MotoGP, que alcançou maior público e gera lucro à pista. 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Mau tempo em Xangai cancela segundo treino do GP da China
Próximo artigo Equipes discutem ideia de realizar GP da China no sábado

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil