Fórmula 1
04 set
Próximo evento em
25 dias
R
GP da Toscana
11 set
Próximo evento em
32 dias
R
GP de Singapura
17 set
Canceled
R
GP da Rússia
25 set
Próximo evento em
46 dias
R
GP do Japão
08 out
Canceled
R
GP dos Estados Unidos
23 out
Canceled
R
GP do México
30 out
Canceled
R
GP do Brasil
13 nov
Canceled
R
GP de Abu Dhabi
27 nov
Próximo evento em
109 dias

Hulkenberg trata com humor falha que impediu participação no GP: “Se encaixa com todos esses dias loucos que vivi”

compartilhar
comentários
Hulkenberg trata com humor falha que impediu participação no GP: “Se encaixa com todos esses dias loucos que vivi”
Por:
, Editor
2 de ago de 2020 17:49

Segundo o alemão, o problema antes da largada casa bem com a montanha russa que enfrentou nos últimos dias

Em seu tão esperado retorno à Fórmula 1, Nico Hulkenberg disse que seu fracasso em iniciar o GP da Grã-Bretanha “encaixou” com o período maluco de quatro dias que viveu nesta semana. Após Sérgio Pérez ter sido diagnosticado com a Covid-19, o piloto alemão foi convocado pela Racing Point e realizou um retorno chocante à categoria em Silverstone.

Hulkenberg ficou sem um assento para a temporada de 2020 ao ser dispensado pela Renault no final do ano passado, mas recebeu uma ligação da Racing Point na quinta-feira, enquanto estava a caminho de Nurburgring em um teste de carro GT.

Leia também:

Apesar das margens de tempo apertadas, ele conseguiu concluir toda a documentação necessária e um teste negativo para a COVID-19, tudo a tempo de participar dos treinos livres de sexta em Silverstone.

Mesmo ser pilotar um carro de F1 desde sua última aparição na Renault no final da temporada de 2019, Hulkenberg se classificou na 13ª colocação com a Racing Point e ficou perto de chegar ao Q3 no sábado.

No entanto, segundo a própria Racing Point, um parafuso defeituoso foi o que impediu que o motor do carro de Hulkenberg fosse ligado e que ele iniciasse a prova.

O piloto alemão brincou após a corrida que era um evento que encaixava com os dias imprevisíveis que lhe deram a oportunidade inesperada de voltar à Fórmula 1. "É uma loucura, não é? De alguma forma, se encaixa com todos esses dias loucos que vivi", disse Hulkenberg.

“Mas obviamente é decepcionante para mim e para a equipe”.

“Eles tentaram de tudo, mas (por conta de) algum tipo de problema na unidade de potência, não conseguimos dar a partida no carro e chegar lá, o que é obviamente um problema decepcionante. Estamos investigando o porquê”.

Enquanto Pérez completa seu período de quarentena de 10 dias, é esperado que Hulkenberg volte a correr no GP do Aniversário de 70 anos da F1 no próximo final de semana em Silverstone, embora a Racing Point esteja aguardando esclarecimentos sobre as diretrizes do governo do Reino Unido.

“Se tivermos um próximo final de semana, então hoje teria sido muito importante para adquirir mais experiência para entender e aprender mais sobre o carro, especialmente em condições de corrida”, disse Hulkenberg.

“Isso está perdido desse lado, mas acho que é o que é agora. Vamos ter que ver como as coisas acontecem para o próximo fim de semana”.

PÓDIO: Hamilton vence com três rodas em GP da Grã-Bretanha maluco

PODCAST: Bastidores do futuro do GP do Brasil e os ambientes de F1 favoritos de Reginaldo Leme

 

Sainz lamenta pneu furado em Silverstone: “Sorte não esteve comigo”

Artigo anterior

Sainz lamenta pneu furado em Silverstone: “Sorte não esteve comigo”

Próximo artigo

F1: Hamilton quebra jejum e vence Piloto do Dia depois de dois anos com triunfo em Silverstone

F1: Hamilton quebra jejum e vence Piloto do Dia depois de dois anos com triunfo em Silverstone
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Grã-Bretanha
Pilotos Nico Hulkenberg Compre Agora
Autor Luke Smith