Fórmula 1
02 jul
-
05 jul
Evento encerrado
R
GP da Estíria
09 jul
-
12 jul
Próximo evento em
16 Horas
:
49 Minutos
:
59 Segundos
16 jul
-
19 jul
Próximo evento em
7 dias
R
GP de 70º aniversário
06 ago
-
09 ago
Próximo evento em
28 dias
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
49 dias
03 set
-
06 set
Próximo evento em
56 dias
R
GP de Singapura
17 set
-
20 set
Canceled
24 set
-
27 set
Próximo evento em
77 dias
08 out
-
11 out
Canceled
R
GP dos Estados Unidos
22 out
-
25 out
Próximo evento em
105 dias
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
112 dias
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
126 dias
R
GP de Abu Dhabi
26 nov
-
29 nov
Próximo evento em
140 dias

Mallya "feliz" com acordo entre Stroll e Aston Martin

compartilhar
comentários
Mallya "feliz" com acordo entre Stroll e Aston Martin
Por:
, Repórter
31 de jan de 2020 16:32

Enquanto aguarda julgamento sobre sua extradição para a Índia, o ex-dono da Force India, Vijay Mallya, afirmou estar muito feliz pelo acordo feito entre Lawrence Stroll e a Aston Martin e os benefícios que renderá à Racing Point

Ex-dono da equipe Force India, o indiano Vijay Mallya se manifestou nesta sexta-feira sobre o acordo entre Lawrence Stroll e a Aston Martin, que favorece diretamente a Racing Point. Segundo Mallya, ele ficou muito feliz ao saber que sua antiga equipe terá o apoio da Aston Martin a partir de 2021.

Vijay Mallya fundou a equipe Force India em 2007, após comprar a estrutura da equipe Spyker. Após problemas na justiça, Lawrence Stroll comprou a Force India de Mallya em agosto de 2018 e no ano seguinte mudou seu nome para Racing Point. No momento, Mallya se encontra no Reino Unido aguardando o recurso de seu julgamento de extradição para a Índia, onde foi condenado por fraude. 

Leia também:

Segundo Mallya, ele já entrou em contato com Stroll para parabenizá-lo pelo acordo: "Eu estou muito feliz por Lawrence e também pela equipe", afirmou Mallya ao Motorsport.com. "Se tornar uma equipe oficial sempre foi o meu sonho".

"Lawrence e eu somos amigos, e eu o parabenizei hoje pela manhã após ler a notícia. Ele é um investidor astuto e seu histórico prova isso. Se você olhar para o preço das ações da Aston Martin hoje, fica claro que ele fez um ótimo acordo. Com sua presença e a nova gama de modelos que a Aston tem nos planos, só há um caminho para a empresa, que é para cima".

"Para a Racing Point é fabuloso eles se tornarem uma equipe oficial com apoio de uma gigante britânica como a Aston, com toda sua herança. A Aston tem muitos fãs e todos serão fãs da Racing Point também".

Por coincidência, Mallya havia tentado em 2015 obter o patrocínio da Aston Martin, mas não obteve sucesso. A empresa acabou optando por patrocinar a Red Bull Racing. "Nós tivemos conversas com a Aston há cinco anos, não necessariamente para nos tornarmos uma equipe oficial, mas para ter a Aston como a principal patrocinadora, além de nos dar suporte técnico. Não sei qual é o acordo deles com a Red Bull, mas acho que eles não tem influência nas decisões técnicas. A Red Bull tem um gênio que é o Adrian Newey, então acho que não precisam de mais ninguém!"

Mallya, que visitou o motorhome da Racing Point no GP da Grã-Bretanha no ano passado, insiste que não sente falta de sua última aventura no mundo do esporte:

"Eu estive por dez anos na F1, eu curti todos os momentos desses dez anos e agora é o momento de fazer alguma outra coisa. Cuidei da equipe por dez anos e entreguei dois quartos lugares no mundial de construtores que me deixam muito orgulhoso. A equipe ainda está em meu DNA e estou muito feliz por eles. Eu acredito que o carro de 2020 deu grandes passos e mal posso esperar pelo início da temporada", completou.

GALERIA: Relembre números da temporada 2019 da F1

Galeria
Lista

1º Lewis Hamilton: 413 pontos, 11 vitórias, 17 pódios, 5 poles, 6 voltas mais rápidas e 511 voltas lideradas

1º Lewis Hamilton: 413 pontos, 11 vitórias, 17 pódios, 5 poles, 6 voltas mais rápidas e 511 voltas lideradas
1/20

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

2º Valtteri Bottas: 326 pontos, 4 vitórias, 15 pódios, 5 poles, 3 voltas mais rápidas e 185 voltas lideradas

2º Valtteri Bottas: 326 pontos, 4 vitórias, 15 pódios, 5 poles, 3 voltas mais rápidas e 185 voltas lideradas
2/20

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

3º Max Verstappen, 278 pontos, 3 vitórias, 9 pódios, 2 poles, 3 voltas mais rápidas e 156 voltas lideradas

3º Max Verstappen, 278 pontos, 3 vitórias, 9 pódios, 2 poles, 3 voltas mais rápidas e 156 voltas lideradas
3/20

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

4º Charles Leclerc: 264 pontos, 2 vitórias, 10 pódios, 7 poles, 4 voltas mais rápidas e 246 voltas lideradas

4º Charles Leclerc: 264 pontos, 2 vitórias, 10 pódios, 7 poles, 4 voltas mais rápidas e 246 voltas lideradas
4/20

Foto de: Alessio Morgese / Luca Rossini

5º Sebastian Vettel: 240 pontos, 1 vitória, 9 pódios, 2 poles, 2 voltas mais rápidas e 160 voltas lideradas

5º Sebastian Vettel: 240 pontos, 1 vitória, 9 pódios, 2 poles, 2 voltas mais rápidas e 160 voltas lideradas
5/20

Foto de: Sam Bloxham / Motorsport Images

6º Carlos Sainz Jr: 96 pontos, 1 pódio (3º no Brasil)

6º Carlos Sainz Jr: 96 pontos, 1 pódio (3º no Brasil)
6/20

Foto de: Zak Mauger / Motorsport Images

7º Pierre Gasly: 95 pontos, 1 pódio (2º no Brasil) e 2 voltas mais rápidas

7º Pierre Gasly: 95 pontos, 1 pódio (2º no Brasil) e 2 voltas mais rápidas
7/20

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

8º Alex Albon: 92 pontos, 4º lugar (Japão)

8º Alex Albon: 92 pontos, 4º lugar (Japão)
8/20

Foto de: Tomohiro Yoshita

9º Daniel Ricciardo: 54 pontos, 4º lugar (Itália)

9º Daniel Ricciardo: 54 pontos, 4º lugar (Itália)
9/20

Foto de: Zak Mauger / Motorsport Images

10º Sergio Perez: 52 pontos, 6º lugar (Azerbaijão e Bélgica)

10º Sergio Perez: 52 pontos, 6º lugar (Azerbaijão e Bélgica)
10/20

Foto de: Erik Junius

11º Lando Norris: 49 pontos, 6º lugar (Bahrein e Áustria)

11º Lando Norris: 49 pontos, 6º lugar (Bahrein e Áustria)
11/20

Foto de: Steven Tee / Motorsport Images

12º Kimi Raikkonen: 43 pontos, 4º lugar (Brasil)

12º Kimi Raikkonen: 43 pontos, 4º lugar (Brasil)
12/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

13º Daniil Kvyat: 37 pontos, 1 pódio (3º na Alemanha)

13º Daniil Kvyat: 37 pontos, 1 pódio (3º na Alemanha)
13/20

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

14º Nico Hulkenberg: 37 pontos, 5º lugar (Itália)

14º Nico Hulkenberg: 37 pontos, 5º lugar (Itália)
14/20

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

15º Lance Stroll: 21 pontos, 4º lugar (Alemanha)

15º Lance Stroll: 21 pontos, 4º lugar (Alemanha)
15/20

Foto de: Jerry Andre / Motorsport Images

16º Kevin Magnussen: 20 pontos, 6º lugar (Austrália) e 1 volta mais rápida em Singapura

16º Kevin Magnussen: 20 pontos, 6º lugar (Austrália) e 1 volta mais rápida em Singapura
16/20

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

17º Antonio Giovinazzi: 14 pontos, 5º lugar (Brasil) e 4 voltas lideradas (Singapura)

17º Antonio Giovinazzi: 14 pontos, 5º lugar (Brasil) e 4 voltas lideradas (Singapura)
17/20

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

18º Romain Grosjean: 8 pontos, 7º lugar (Alemanha)

18º Romain Grosjean: 8 pontos, 7º lugar (Alemanha)
18/20

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

19º Robert Kubica: 1 ponto, 10º lugar (Alemanha)

19º Robert Kubica: 1 ponto, 10º lugar (Alemanha)
19/20

Foto de: Andy Hone / Motorsport Images

20º George Russell: 0 ponto, mas superou o companheiro em todas as classificações

20º George Russell: 0 ponto, mas superou o companheiro em todas as classificações
20/20

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Próximo artigo
Alonso: "Há muitas mentiras sobre minha carreira"

Artigo anterior

Alonso: "Há muitas mentiras sobre minha carreira"

Próximo artigo

Alonso admite arrependimento ao ter falado "motor de GP2" para Honda em 2015

Alonso admite arrependimento ao ter falado "motor de GP2" para Honda em 2015
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Guilherme Longo